Ponte Preta não tem previsão de retorno de Emerson Sheik aos gramados

Pela terceira partida seguida, o atacante Emerson Sheik desfalcará a Ponte Preta. É provável que o jogador também não atue contra o Vitória e o Vasco, últimos jogos da Macaca no Campeonato Brasileiro.

O departamento médico do time de Campinas se posicionou sobre a situação de Emerson Sheik, em entrevista coletiva. O jogador tem uma inflamação na origem do reto femural da coxa direita que atrasa a recuperação.

- O Sheik vem reclamando de dor nesse local desde o jogo contra o Palmeiras, quando resolvemos poupá-lo. Vem jogando com certo sacrifício. Fizemos os exames e tem um processo inflamatório no local. Se está com dor, não tem condição, não vai para o campo e fazemos o tratamento e a transição para devolver nas melhores condições - afirmou o doutor Roberto Nishimura.

Segundo o chefe do departamento médico alvinegro, o desgaste do atleta foi grande na partida contra o Grêmio, quando a Ponte atuou com um a menos desde os 17 minutos do primeiro tempo. Após a expulsão de Fernando Bob, e Sheik ficou em campo o tempo todo, indo além do limite.

- Esse jogo sobrecarregou o músculo. Fizemos todo o protocolo de tratamento, e ele continua com queixa. É uma questão imprevisível. Pode estar tudo controlada e pode estourar. Ele foi no limite, tem 39 anos, uma condição física diferenciada. Se abrir (o músculo), acaba o ano. Temos um cuidado especial - afirmou Nichimura.

O médico também não estipulou um prazo para o retorno do jogador aos gramados:

- Para esse jogo, ele está fora. Vamos trabalhar para isso (deixá-lo à disposição). A reabilitação é diária. E depois temos mais duas semanas para trabalhar.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos