Topo

Esporte


Carências do time chegam à direção do Vasco após indicações de Zé

25/11/2017 08h00

O Campeonato Brasileiro acaba daqui a duas rodadas e o Vasco, mesmo sem aprofundar no planejamento para 2018, deu início na movimentação para o futebol. O técnico Zé Ricardo, ciente das posições carentes da equipe, já passou para a direção cruz-maltina o que ele tem de ideias para o próximo ano. Isso independentemente se o time conseguir ou não a classificação à Conmebol Libertadores.

- O clube já sabe as atuais necessidades. Já passei algumas informações, mas não tivemos oportunidade de sentar e conversar, em virtude da turbulência que aconteceu depois da eleição. Assim que terminar a competição, espero que a gente tenha uma conversa adiantada nesse sentido. O que posso garantir é que vamos ter uma equipe forte e competitiva - afirmou o treinador.

Zé Ricardo completou dizendo que também viu inicialmente nomes que possam ser alvos da equipe. Segundo o treinador, estes jogadores pertencem a clubes hoje nas duas principais divisões do Brasileiro. Caberá agora o fim do torneio para que o presidente Eurico Miranda, o vice de futebol Eurico Brandão, mais conhecido como Euriquinho, e o diretor de futebol Anderson Barros dar prosseguimento a estas ideias:

- Tenho algumas peças, funções que a gente acredita que precisam ser melhoradas. E a partir dessas funções temos alguns nomes que vêm numa boa performance na primeira e na segunda divisões. Agora é sentar. Estou esperando o presidente, o Euriquinho e o Anderson para que a gente possa ir destrinchando.

No atual elenco do Vasco, o único jogador que tem o contrato chegando ao fim no próximo mês e que a renovação está encaminhada é o do lateral-esquerdo Ramon. O zagueiro Breno é outro desejo da diretoria cruz-maltina para permanecer em 2018, mas as conversas estão paradas. Nomes como Jean, Wellington e Kelvin, também emprestados por outros clubes ao Vasco, ainda não deram início para as tratativas.

Mais Esporte