Oswaldo de Oliveira acredita na continuidade de seu trabalho no Galo

Oswaldo de Oliveira tem contrato com o Atlético-MG até dezembro de 2018. Entretanto, sua permanência foi posta em dúvida por conta do desempenho oscilante do time e pelas mudanças na diretoria do clube. No comando do Galo há dois meses, o técnico está confiante na sequência de seu trabalho em Belo Horizonte.

- Estou muito feliz. Espero continuar com esse trabalho iniciado neste ano e formar uma equipe forte, competitiva, e que traga as vitórias que a nossa torcida tanto espera. Eticamente eu não posso ainda falar nada a respeito. Ainda temos uma eleição. Depois é que poderemos falar diretamente - disse o treinador durante coletiva após o empate em 2 a 2 com o Corinthians.

Oswaldo esteve à frente do Atlético em 13 partidas, sendo 12 pelo Campeonato Brasileiro e uma pela Primeira Liga. Ao todo, foram cinco vitórias, seis empates e apenas duas derrotas. Os números do treinador são vistos com bons olhos pela diretoria atual, entretanto, sua permanência na Cidade do Galo só será concretizada após decisão do vencedor da eleição presidencial do clube, que acontece no dia 11 de dezembro.

Duas chapas farão a disputa no pleito. Sérgio Sette Câmara comanda a da situação, nomeada de 'Unidos pelo Galo'. A oposição é encabeçada por Fabiano Ferreira na chapa 'Virada do Galo'. Caso Sette seja eleito, as chances de Oswaldo continuar no Atlético-MG aumentam.

- Espero conseguir dar continuidade ao trabalho no ano que vem. Que a gente possa formar uma equipe forte, competitiva e que traga vitórias que a gente precisa - disse o treinador, que pretende ajudar da formação do elenco que disputará a próxima temporada com a camisa alvinegra.

Enquanto isso, o Galo se prepara para receber o Grêmio às 17h do próximo domingo, em disputa válida pela 38ª e última rodada do Campeonato Brasileiro. A equipe busca incansavelmente a vitória, para atingir o objetivo de conquistar uma vaga na Libertadores de 2018. Para isso, além de precisar dos três pontos diante do Tricolor, terá que torcer por tropeços da Chapecoense, Botafogo e Vasco.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos