Blanc, Forlán e Cannavaro põem o Brasil como maior favorito na Rússia

Para três ex-jogadores de seleções campeãs do mundo que subirão nesta sexta-feira ao palco do Kremlin Palace para participarem do sorteio dos grupos da Copa, há um consenso: não há como deixar de considerar o Brasil como a grande força que desembarcará na Rússia, dividindo o favoritismo contra rivais tradicionais: Alemanha, Espanha e Argentina. Porém, com um detalhe. O Brasil foi sempre o primeiro a ser citado.

- Não tenho como ser criativo com essa pergunta. O Brasil é o favorito, a Argentina deve vir muito forte e, na Europa, a Alemanha e a Espanha são as melhores. Coloco Bélgica e França um pouco atrás dessas - disse Laurent Blanc, campeão mundial em 1998.

Blanc disse que a França terá vida dura se o sorteio colocar algum titã em seu grupo após o sorteio desta sexta-feira:

- Espanha e Inglaterra podem cair na nossa chave. Se isso acontecer, teremos problemas.

Forlán espera ver o Uruguai fazendo campanha de destaque, pois o time é muito bom. Mas não é favorito:

- Dar uma opinião sobre quem será campeão de uma Copa é sempre difícil. Mas o Brasil está muito bem e nunca dá para deixar de lado Argentina, Alemanha e Espanha.

Cannavaro foi um pouco diferente de Forlán e Blanc, pois deixou de citar a Argentina na sua lista.

- Brasil, Alemanha e Espanha são os principais candidatos ao título e é uma pena que a gente não possa ver a Itália neste grupo.

O zagueiro que foi o capitão da Azzurra na campanha campeã na Copa de 2006 não engoliu a eliminação de sua seleção.

- Cannavaro ainda não engoliu a eliminação da Itália.

A Itália ama Copa. Ganhamos quatro. Ficar de fora desta vez nos machucou muito- concluiu.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos