O que mais vingou: Bruno Henrique encerra ano artilheiro do Santos

80%. Para ser mais exato, 52 dos 65 jogos do Santos no ano. Essa é a média/números de jogos que Bruno Henrique atuou no ano. No Santos desde janeiro, o atacante chegou para reforçar o clube e cumpriu muito bem seu papel. A prova disso é encerrar a temporada como artilheiro da equipe, com 17 gols.

Diferenciado, o jogador de 26 anos brilha com sua agilidade, facilidade em dribles e até nos passes para gols. Foram 12 assistências ao longo do ano, 11 apenas no Campeonato Brasileiro.

Além de Bruno, Kayke, Vladimir Hernández, Nilmar, Leandro Donizete, Matheus Jesus, Matheus Ribeiro e Cleber foram outras novidades no Peixe. Destes, apenas Kayke e Matheus Jesus conseguiram um alcance diferenciado. O carioca chegou a ser um dos artilheiros da temporada, enquanto o volante alcançou boa sequência de jogo, e entre elas foi titular.

No entanto, as apostas foram maiores sobre o camisa 27, por ser o reforço que mais custou aos cofres do clube: R$ 14 milhões. Bruno veio do Wolfsburg e não demorou para cair nas graças da torcida. Com seu bom desempenho, foi ovacionado não somente pelos santistas, mas por rivais, que o pediam na Seleção Brasileira.

Sonhador, Bruno fala com muito carinho sobre vestir a camisa de seu país e trata como objetivo para o próximo ano. O atacante, inclusive, se empenhou ao saber que Taffarel estava observando Vanderlei.

- Vestir a camisa da Seleção é o objetivo de qualquer jogador profissional. Desde criança tenho esse sonho e sinto que estou preparado para essa responsabilidade. O professor Tite está dando oportunidade a diversos atacantes e espero ser lembrado em um futuro próximo. Todos os atacantes convocados têm qualidade e eu tenho a minha também. Vou seguir trabalhando forte aqui no Santos em busca desse objetivo - explicou nos últimos meses.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos