Com City classificado, Napoli e Shakhtar lutam pelo segundo lugar

Há apenas mais uma vaga restante no Grupo F e Napoli e Shakhtar Donetsk brigam nesta quarta-feira, na última rodada da fase de grupos, para se juntar ao Manchester City nas oitavas de final. Com a vida mais tranquila, os ucranianos encaram justamente o líder da chave, no Stadion Metalist, às 17h45 (de Brasília).

Para passar de fase, o Shakhtar, que vem de três vitórias e duas derrotas nos últimos cinco jogos, precisa apenas empatar ou torcer por um tropeço dos italianos. No jogo de ida, os Citzens venceram por 2 a 0 na Inglaterra.

Mesmo já classificada, a equipe de Pep Guardiola quer defender seu 100% de aproveitamento e continuar sua sequência invicta na temporada. Para este confronto, Kevin De Bruyne está suspenso. John Stones e Benjamin Mendy continuam em recuperação de suas lesões e David Silva não viajou.

- Será um jogo complicado, porque o Shakhtar tem um time muito bom. Assisti ao jogo deles contra o Napoli e, mesmo perdendo, eles jogaram muito bem no primeiro tempo. Nosso primeiro jogo também mostrou o que eu esperava. Joguei contra eles muitas vezes e é sempre difícil - analisou Guardiola.

Do lado dos mandantes, o técnico Paulo Fonseca não poderá contar com Darijo Srna, suspenso. Além dele, Maksym Malyshev e Serhiy Kryvtsov estão fora e o brasileiro Taison, convocado por Tite para a Seleção Brasileira nas últimas listas, é dúvida.

NAPOLI VISITA O FEYENOORD

Na Holanda, o já eliminado Feyenoord, que nem tem chances de conseguir vaga na Liga Europa, recebe o Napoli, que tenta o último suspiro para conquistar vaga nas oitavas. O confronto no Estádio De Kuip acontece nesta quarta-feira, às 17h45 (de Brasília).

Os atuais vice-líderes do Campeonato Italiano precisam vencer e torcer por uma derrota do Shakhtar contra o Manchester City. Porém, chegam para esta partida depois de serem derrotados pela Juventus e perderem a liderança da competição nacional para a Inter de Milão no final de semana.

Para esta partida, o técnico Maurizio Sarri terá o importante desfalque de Lorenzo Insigne, que nem viajou, além de Faouzi Ghoulam e Arkadiusz Milik, que seguem em recuperação de suas lesões. Do lado dos mandantes, Jan-Arie van der Heijden, Eric Botteghin, Karim El Ahmadi e Ridgeciano Haps estão fora.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos