Boca Juniors terá que pagar alta quantia se quiser Tevez, diz jornal

  • Divulgação/Twitter

    Tevez "não correspondeu às expectativas" na China, disse dirigente

    Tevez "não correspondeu às expectativas" na China, disse dirigente

O Boca Juniors terá problemas se quiser repatriar o atacante Carlos Tevez. Segundo o jornal espanhol AS, o Shanghai Shenhua, clube do jogador na China, pediu 17 milhões de euros (R$ 65,4 milhões) para liberá-lo.

O clube argentino se apoiava em uma cláusula no contrato de Tevez, que permitia a saída do jogador para seu time do coração por 5 milhões de euros (R$ 19,2 milhões). Contudo, esse item não tem mais validade. Agora, o Boca espera que os chineses diminuam o valor pedido.

Tevez não foi bem em sua primeira temporada no futebol chinês. Foram apenas 17 partidas e quatro gols, além de algumas polêmicas. Para piorar, o gerente do Shanghai Shenhua, Mao Yijun, reiterou que o argentino não correspondeu às expectativas.

"Nós podemos dizer que as performances de Tévez não atingiram as nossas expectativas, isso é certo. Ele teve algumas lesões na panturrilha e não fez parte da preparação conosco. No entanto, nos treinos e partidas, ele fez seu melhor e foi muito profissional. Mas não atingiu sua melhor performance por causa da sua condição", afirmou.

Tevez tem o maior salário do mundo: mais de 40 milhões de euros (R$ 154 milhões) anuais.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos