Eleição no Vitória adia tratativas por Tréllez; Corinthians segue em cima

Os clubes interessados em contar com o futebol do atacante Santiago Tréllez, do Vitória, terão de esperar pelo menos até esta quarta-feira para avançar nas negociações. Isso porque o clube baiano terá eleição presidencial e, por enquanto, os desdobramentos de uma possível negociação estão condicionados à escolha do novo mandatário do clube.

O Corinthians é um dos mais interessados em contar com o centroavante e segue acompanhando de perto a situação. A diretoria do Timão já fez contato com os representante do jogador e com o clube baiano e aguarda a definição no pleito para avançar nas tratativas. Há pelo menos mais um clube conversando com o Vitória.

Na semana passada, os representantes de Tréllez se reuniram com a diretoria atual do Vitória. No encontro, disseram entender o momento político do clube, mas pediram para que ouvisse eventuais propostas que chegassem. Os agentes sabem que haverá ofertas pelo colombiano. O caso então ficou de ser discutido com mais força depois das eleições.

São cinco os candidatos à presidência do Vitória: Gilson Presídio, da chapa "Democracia Vitoriana", Manoel Mattos, da chapa "Vitória Unido Vitória Forte", Raimundo Viana, da chapa "Amor de Leão", Ricardo David, da chapa "Ricardo Presidente" e Tiago Ruas, da chapa "Modernizar Para Vencer".

Santiago Tréllez tem 27 anos e se destacou no Campeonato Brasileiro, anotando dez gols, determinantes para a equipe escapar do rebaixamento. Entrou no radar do Timão como opção a Jô, que desperta interesse de clubes de fora. Para a posição, o clube ainda conta com o turco Kazim e o jovem Carlinhos. Também anunciou na semana passada Júnior Dutra, mas o acerto não impede a chegada de Tréllez.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos