Sem procura do Cruzeiro, Galhardo dá adeus ao clube: 'Foi uma honra poder usar esta camisa'

Apesar da esperança que tinha de permanecer no Cruzeiro, o lateral-direito Rafael Galhardo não foi procurado pela diretoria celeste para tratar da renovação contratual. De férias nos Estados Unidos e ciente de que não continuará no time celeste em 2018, o jogador publicou um texto de despedida em seu perfil no Instagram.

Na legenda, Galhardo agradece o apoio dos torcedores e da diretoria, que dá adeus ao comando do clube no final deste ano para que Wagner Pires de Sá e seus escolhidos assumam a frente da Raposa em 2018. A comissão técnica também foi lembrada ao ter papel fundamental no retorno do jogador aos gramados depois de ele ter sofrido uma lesão no ligamento cruzado anterior do joelho direito.

- Gostaria de deixar aqui meus sinceros agradecimentos ao Cruzeiro e a sua imensa torcida. Infelizmente, o ano não se desenhou da maneira que imaginei, mas em nenhum momento os torcedores e a antiga diretoria me abandonaram. E foi desse apoio que tirei forças para retornar aos gramados e fazer aquilo que mais gosto, que é jogar futebol. Gostaria muito de continuar no clube, mas, infelizmente, as coisas nem sempre acontecem da maneira que desejamos. Mas serei eternamente grato por todo apoio e carinho que recebi aqui. Foi uma honra poder usar esta camisa de tanta história e representar essa torcida maravilhosa! Obrigado ao @cruzeiro, comissão técnica, funcionários, diretoria, torcida e aos jogadores! - escreveu Galhardo.

O lateral-direito assinou com o Cruzeiro no dia 31 de agosto e seu futebol agradou o técnico Mano Menezes durante os empates com Avaí e Vitória. Entretanto, de acordo com o Portal UOL, o histórico de lesões recorrentes pesaram na decisão do clube. Logo após retornar ao time, recuperado da cirurgia no ligamento cruzado anterior do joelho direito, o jogador sofreu um estiramento no músculo adutor da mesma perna.

Seu contrato com a Raposa duraria até 31 de dezembro de 2017 e o clube ainda tinha a opção de renovar por mais dois anos, mas dado ao pouco aproveitamento do atleta, a diretoria optou por encerrar o vínculo.

Com a saída de Galhardo, o Cruzeiro passa a contar apenas com Ezequiel na lateral direita. Apesar de ter recebido críticas de parte da torcida durante a temporada, o jogador tem o apoio de Mano Menezes e faz parte dos planos do clube. Entretanto, a diretoria busca um novo reforço para a posição. A bola da vez continua sendo Rafinha, do Bayern de Munique, mas o clube alemão tem jogado duro para libertar o atleta de 32 anos, o que vem travando a negociação.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos