Ronaldinho Gaúcho se afilia a partido de Bolsonaro e será candidato a senador

Os próximos passos de Ronaldinho Gaúcho parecem estar mesmo longe dos campos. Segundo o colunista Lauro Jardim, do jornal "O Globo", o ex-jogador se afiliou ao PEN, futuro Patriota, e será candidato a senador em Minas Gerais.

De acordo com a coluna, Ronaldinho concorrerá ao cargo já nas eleições de 2018, mas vai aguardar o começo do ano que vem para fazer oficializar sua candidatura durante a janela para filiação. Somália, ex-jogador com passagem pelo Fluminense, será suplente de sua chapa. R10 também receberá o apoio de Jair Bolsonaro, que será candidato à presidência pelo partido.

Apesar de traçar seu caminho na política, Ronaldinho também já declarou que irá se despedir oficialmente dos gramados no próximo ano.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos