São Paulo já sabe: terá dificuldades para tirar Diego Souza do Sport

O São Paulo quer contar com Diego Souza na próxima temporada, mas ainda não realizou nenhuma oferta oficial. O caminho para tirar o jogador do Sport é abrir negociações com o seu empresário, Eduardo Uram, já que o clube pernambucano se recusa a facilitar a saída do meio-campista de 32 anos.

Diego Souza tem contrato com o time recifense até o final de 2018 e, na metade da temporada, ficaria livre para assinar pré-contrato com outra equipe, saindo de graça. Ainda assim, a postura dos nordestinos é de dificultar a liberação, ressaltando que o meia está nos planos do recém-contratado técnico Nelsinho Baptista.

- Todo atleta tem seu valor. Estamos falando de um jogador que jogou 60 partidas e 21 gols no ano, que está nos nossos planos e que nunca nos deu nenhum sinal ou aviso de que deseja sair. Não é questão de endurecer ou não a negociação, simplesmente não está nos nossos planos negociar o Diego Souza - disse Alexandre Faria, diretor executivo de futebol do Sport, ao LANCE!

- Não recebemos nada do São Paulo nem de ninguém. Não posso falar sobre hipóteses, se preferimos só ofertas financeiras ou de jogadores. Só reitero que não pretendemos negociá-lo - reforçou o dirigente, expondo a postura dos pernambucanos na negociação.

Por conta desse posicionamento dos nordestinos, o São Paulo vem tratando a possibilidade de trazer Diego Souza com cuidado. A recente recusa do Sport em liberar o jogador para o Palmeiras, no meio de 2017, já indicava as dificuldades. As conversas só devem andar se o próprio meio-campista indicar que deseja sair do Recife.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos