Sette Câmara apresenta nova gestão; Gallo crê em permanência de Robinho

O Atlético-MG já começou a colocar em práticas as mudanças para a próxima temporada. Na manhã desta quinta-feira, a diretoria que representará o clube pelo próximo triênio foi apresentada na sede, em Lourdes. Entre os novos representantes, Sérgio Sette Câmara definiu Alexandre Gallo como diretor de futebol e, durante coletiva de imprensa, o novo homem forte do futebol atleticano indicou que já busca nomes para reforçar a equipe em 2018.

O primeiro reforço anunciado para a próxima temporada é o volante Arouca, que não teve um bom ano no Palmeiras, mas despertou a atenção da da comissão técnica alvinegra. O atleta já realizou todos os exames necessários e se apresenta junto ao restante do elenco no início de janeiro, para o começo da pré-temporada.

- Arouca é uma realidade nossa já. Já tem contrato com a gente e nós acreditamos no seu crescimento. Ele iniciou a carreira com o Oswaldo e quer muito isso. A gente tem certeza que o Arouca vai agregar muito ao Atlético-MG.

A renovação do atacante Robinho também voltou a ser pautada na entrevista. Com contrato até 31 de dezembro de 2017, a presença do jogador ainda é incerta. Em resposta, Alexandre Gallo reafirmou que a primeira oferta proposta pelo Galo foi negada, mas indicou o clube busca outros métodos para manter o camisa 7.

- É uma situação que estamos definido, porque ainda há um prazo. Queremos a continuidade dele. Tivemos a negativa inicial e vamos o que acontece nos próximos dias. A ideia é dar maior tranquilidade possível para ele. Entendo que, vestindo a camisa com essa faixa etária, mas entregando bom futebol, ele queira tranquilidade para trabalhar. Pensei em dar os 24 meses, porque ele gosta da cidade e está muito bem adaptado. A conversa foi saudável com a representante e ela entendeu o projeto que tínhamos para o Robinho. Queremos um projeto para a vida dele. Ele já um jogador realizado, mas queremos dar tranquilidade a ele, entendendo nosso momento e nossas necessidades. Essa definição fica para ele e sua representante. Vamos ter algumas conversas. Estamos em momento de avaliação.

O novo diretor de futebol profissional também comentou como anda o planejamento dentro das quatro linhas. Gallo revelou que vem mantendo conversas frequentes com o técnico Oswaldo de Oliveira e que o objetivo é ter time forte e veloz representando o Galo nas disputas de 2018.

- Nós temos conversado direto, tenho feito várias reuniões com o Oswaldo. Todo grande atleta interessa para nós. A camisa do Atlético-MG vale muito. Entendemos que o mercado é muito interessante e nós estamos muito atentos a tudo que está acontecendo. Todos os dias podem estar acontecendo situações e nós vamos melhorar nossa equipe. A eleição atrasou um pouco o trabalho, mas com certeza até o Natal e até o final do ano, outros nomes vão acontecer.

RENOVAÇÃO

Com contrato até o fim de 2018, Marcos Rocha já foi procurado por outros clubes, mas o Atlético-MG não pretende liberá-lo. Inclusive, o clube tem planos para o jogador e já trabalha com a intenção de priorizar a renovação com o lateral.

- Marcos Rocha é um jogador que estamos tentando iniciar uma conversa agora e ele é uma das prioridades de renovação. É um atleta que nós temos o interesse da permanência dele aqui - garantiu Alexandre Gallo.

ESTRUTURA ADMINISTRATIVA

A gestão interna do Atlético-MG também está em período de mudanças. Após anunciar uma série de demissões na última quarta, Sérgio Sette Câmara confirmou Bebeto de Freitas na direção de administração e Marques como diretor de futebol de base. O novo presidente também indicou outras alterações na diretoria.

- O Gallo assume a diretoria de futebol. O Bebeto de Freitas assume a diretoria de administração e controle. O Carlos Fabel segue na função dele, assim como o Domênico. Rodrigo Lasmar como diretor médico. Castellar volta a ser assessor da presidência do Atlético. Fizemos também uma mudança na base. Entendemos que o trabalho do André nesse período foi importante, não temos nada a falar sobre a competência dele, mas o Atlético precisava de oxigenação na categoria de base. Convidamos nosso querido Marques, ídolo do clube, que tenho apreço. Vem o Marques para ser coordenador da base e o Gustavo Cupertino para ser gerente de base.

A direção jurídica do clube também sofrerá adaptações. Como Lásaro Cândido assume a vice-presidência do clube, um novo membro será escolhido para assumir o cargo no próximo ano.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos