Diretor do Milan nega saída de Donnarumma: 'Patrimônio do clube'

  • AP

O jovem goleiro Gianluigi Donnarumma tem apenas 18 anos, mas já se viu envolvido em duas grandes polêmicas no Milan. A mais recente, já desmentida por ele, tem relação com uma pressão psicológica do clube para que ele renovasse seu contrato. O diretor executivo do clube, Marco Fassone, assegurou que o arqueiro não irá a lugar algum.

"Quarta-feira foi uma noite difícil para Donnarumma e todos no Milan, porque episódios assim são um problema para o clube. Fiquei feliz com o post dele no Instagram negando qualquer pressão psicológica quando ele renovou. Ele está mais calmo agora, espero que as coisas também fiquem", disse Fassone, em vídeo divulgado no site oficial.

Depois dos novos rumores, a torcida do Milan não perdoou e vaiou Donnarumma no confronto contra o Hellas Verona, pela Copa da Itália. Os ultras, inclusive, exigiram sua saída do clube italiano.

"Não temos nenhuma intenção em vender Donnarumma. Ele é um patrimônio humano, técnico e econômico do clube. Se um dia ele vier até nós e falar que não quer mais ficar, vamos ouvir todas as ofertas. Contanto que ninguém use estratégias estranhas para ter Donnarumma a um preço mais baixo do que ele vale. Nós estamos protegendo ele", completou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos