Após anúncio de aposentadoria, São Paulo deixa portas abertas para Kaká

O São Paulo cogitou contratar Kaká para ainda utilizá-lo dentro de campo, em 2018, mas o meia, aos 35 anos de idade, avisou que vai se aposentar. Ainda assim, em mensagem cheia de agradecimentos ao jogador formado no clube e que se tornou o melhor do mundo em 2007, o Tricolor deixou as portas abertas para o ídolo.

- Obrigado, Kaká! O São Paulo será sempre sua casa e estará de portas abertas para você - escreveu o clube em seu site oficial, utilizando redes sociais para enviar mensagem ao jogador, que anunciou sua aposentadoria neste domingo.

- Quando param de jogar, ídolos não se aposentam, entram pra história. Mais que gols e títulos, o que fica é o legado de dedicação, profissionalismo e carinho. Obrigado por ter feito parte de momentos tão especiais. As portas da sua casa estarão sempre abertas, Kaká. Obrigado, Kaká - escreveu em seu Twitter.

Confira as mensagens do São Paulo destinadas a Kaká em suas redes sociais:

Na reta final da temporada, em conversa com membros da diretoria, torcedores pediram que o clube pudesse aproveitar Kaká de alguma forma. O ex-meia Raí aceitou recentemente o convite para ser diretor executivo e lida com a missão de tratar também com Lugano, que não seguirá atuando pelo São Paulo e ainda não decidiu se vai se aposentar, aos 37 anos de idade.

Pelo São Paulo, Kaká, formado nas categorias de base do clube, atuou como profissional entre 2001 e 2003, marcando dois gols na vitória por 2 a 1 sobre o Botafogo, no Morumbi, que garantiu o inédito título do Rio-São Paulo ao clube em 2001, sua única conquista pelo Tricolor. Voltou à equipe para atuar no segundo semestre de 2014, chegando ao vice-campeonato brasileiro e à semifinal da Copa Sul-Americana. Acumulou 155 jogos, 82 vitórias, 33 empates, 40 derrotas e 51 gols marcados pelo time.

Pela Seleção Brasileira, Kaká conquistou a Copa do Mundo de 2002 e disputou ainda os Mundiais de 2006 e 2010. Ganhou também as Copas das Confederações de 2005 e 2009. Fora do Brasil, venceu a Liga dos Campeões, a Supercopa da Europa e o Mundial de Clubes em 2007, pelo Milan, levantando pelo clube ainda o Italiano e a Supercopa da Itália de 2004. No Real Madrid, foi campeão da Copa do Rei, em 2011, e espanhol e da Supercopa da Espanha, em 2012. Seu último clube na carreira foi o Orlando City, dos Estados Unidos.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos