Felipe Conceição vê Botafogo como 'time ideal' para o primeiro trabalho

  • Vitor Silva/SSPress/Botafogo

Mal acertou para ser o técnico do Botafogo em 2018 e Felipe Conceição já concedeu as primeiras palavras no novo cargo. Ao site oficial do clube, o ex-atacante do Alvinegro, que comandará um time profissional pela primeira vez na carreira, aos 38 anos, vibrou com o acerto e destacou: não há lugar melhor para debutar do que o Glorioso, pois os dois pensam parecido no momento: unir base aos profissionais. Ainda não há data para prevista para a apresentação oficial.

Junto com Felipe, o Glorioso também trouxe Anderson Barros, que estava no Vasco, de volta ao clube, para ser diretor executivo do Botafogo e trabalhar fazendo um elo entre base e profissionais.

"Não poderia iniciar a minha carreira como treinador em lugar melhor. Estou satisfeito, honrado pelo convite recebido e muito motivado para trabalhar. A visão de integração entre base e profissional é fundamental e tenho pensamento alinhado com o clube. Precisamos utilizar a base, um ativo do Botafogo. Conheço bem essa geração, trabalhei por quase três anos com esses jovens valores. O Botafogo oferece totais condições para que esses meninos se desenvolvam", disse.

Felipe atuou no Botafogo entre 97 e 2001. Voltou em 2013 para comandar as categorias de base. Após um trabalho de reconhecimento em 2015, quando levou o time sub-17, que tinha Luis Henrique, à final da Copa do Brasil da categoria. O volante Matheus Fernandes foi outro atleta a passar pelas mãos de Tigrão, como era conhecido enquanto foi jogador de futebol. Desde o ano passado, Conceição integrava a comissão técnica do Alvinegro.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos