Pastore admite contato com a Inter de Milão e diz que pode deixar o PSG

  • BENOIT TESSIER/REUTERS

Os clubes já começaram a se movimentar para garantir reforços na próxima janela de transferências. E a Inter de Milão pode tirar Javier Pastore do Paris Saint-Germain. Em entrevista ao jornal argentino "Mundo D", o meia admitiu que pode deixar a França e já conversou com a equipe italiana.

"Houve contato com a Inter, mas não há acordo ainda. Trata-se de uma proposta. A Inter é um clube que eu gosto muito e, se eu tiver que deixar o PSG, gostaria de voltar à Itália", afirmou.

O jogador argentino chegou ao PSG em 2011 por 42 milhões de euros. Na entrevista, Pastore ainda lembrou que é amigo do coordenador técnico da Inter, Walter Sabatini, com quem trabalhou em seus tempos de Palermo. Apesar disso, ele desmentiu que já teria se despedido dos companheiros, como dito pela imprensa francesa.

"Eu não disse adeus aos jogadores do PSG. Isso é falso. Tenho mais um ano e meio de contrato. Tenho jogado mais ultimamente e estou bem. Quero ter mais minutos em campo, mas é decisão do técnico e só posso tentar convencê-lo", completou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos