Depois de novo empate, Mourinho diz que fortuna em reforços 'não foi suficiente'

O Manchester United começa a entrar em uma crise nesse final de ano e ganhou um presente indigesto de Natal. Nesta terça-feira, os Red Devils sofreram para empatar com o Burnley por 2 a 2 no Old Trafford e, após a partida, o técnico José Mourinho afirmou que o clube deveria ter contratado mais.

- Gastei 340 milhões de euros em jogadores? Não é suficiente. O Tottenham não tem a mesma responsabilidade porque não tem a nossa história. O Arsenal não tem a responsabilidade de ganhar, assim como o Chelsea. O City compra zagueiros pelo preço de atacantes. Por isso quando vocês (jornalistas) falam sobre grandes clubes de futebol, falam sobre a história dos clubes - afirmou Mourinho.

Vale ressaltar que o United gastou 300 milhões de libras (R$ 1,3 bilhão) em reforços desde o meio do ano passado, quando o português assumiu. A maior negociação foi de Paul Pogba, por 93,2 milhões de libras (R$ 414 milhões). Nesta temporada, o atacante Romelu Lukaku custou 75 milhões de libras (R$ 333 milhões) e Nemanja Matic chegou por 40 milhões de euros (R$ 157 milhões).

O Manchester United chegava a perder por 2 a 0 e conseguiu empatar apenas nos acréscimos, com gol de Lingard. Na última rodada do Inglês, a equipe já havia sofrido um empate do Leicester também no tempo adicional. Já na Copa da Liga Inglesa, o Bristol eliminou os Red Devils.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos