Ponte Preta afirma que insistirá em compensação financeira por Bruno Silva

Na tarde desta quinta-feira, a Ponte Preta se pronunciou no twitter sobre a novela envolvendo o Bruno Silva no Cruzeiro. A equipe de Campinas noticiou que sua comissão de transição das diretorias executivas não tem interesse nos nomes ofertados pela Raposa e insistirá em uma compensação financeira para liberar o volante.

Vale lembrar que a Ponte é dona de 60% dos direitos econômicos do jogador, enquanto o Botafogo, clube detentor dos direitos federativos, tem os outros 40%. Os detalhes da negociação com a Macaca não foram revelados.

O contrato entre o meio-campista e a Raposa, caso seja assinado, valerá até dezembro de 2020.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos