Milan não volta a vencer e empata com a Fiorentina no adeus a 2017

Não foi no último jogo de 2017 que o Milan de Gennaro Gattuso superou as duas últimas derrotas pelo Campeonato Italiano. Neste sábado, em prosseguimento à rodada 19, os Rossoneri empataram em 1 a 1 com a Fiorentina, fora de casa. Gio Simeone abriu o placar para os donos da casa, mas Calhanoglu empatou logo em seguida, dando os números finais.

O empate deixa a Fiorentina, na oitava posição, ainda à frente do Milan, uma posição abaixo, pela diferença de dois pontos - 27 e 25, respectivamente.

O JOGO

Nem mesmo o período festivo de fim de ano transformou a motivação dos jogadores do Milan. Comandado por um ainda trôpego Gattuso, o time rossonero não causou perigo à meta dos rivais na primeira etapa. Esteve longe do potencial de suas peças.

Aliás, o placar só não foi inaugurado pelo outro lado por conta de uma atuação inspirada do fenomenal Gianluigi Donnarumma. O jovem de apenas 18 completou 100 jogos com a camisa do Milan. E fechando o gol. Como sempre.

Isto na etapa inicial. Pois na final, com o aumento de volume dos donos da casa, a rede defendida por Donnarumma enfim foi balançada. Na casa dos 25 minutos, Gio Simeone, filho do técnico do Atlético de Madrid, recebeu cruzamento do lateral-esquerdo Biraghi e marcou o seu sexto gol no Italiano. E ele contou com falha dos zagueiros rubro-negros, meros espectadores.

A resposta, contudo, foi imediata. Em rebote após arremate de Suso, Calhanoglu, que saiu do banco, marcou no rebote e no lance seguinte do contratempo. O jogo esboçou ganhar em emoção, mas a bola não voltara a agitar o duelo, que teve o zagueiro Vitor Hugo, ex-Palmeiras, entrando no fim.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos