Fernando se inspira em Jesus até na tatuagem e lidera Verdão na Copinha

Um garotinho de boné para trás, descalço e sem camiseta olha para o horizonte com uma bola embaixo do braço. Em sua cabeça, estão três sonhos: uma casa, um campo de futebol e um troféu. O desenho que está tatuado no braço esquerdo de Fernando, jovem atacante que disputará a Copa São Paulo Júnior pelo Palmeiras - a começar pelo jogo contra o Luverdense, às 21h30 desta terça, em Taubaté - é bem parecido com o que está no braço direito de Gabriel Jesus, maior revelação recente das categorias de base do clube. Antes deles, Neymar já havia feito tatuagem praticamente igual na panturrilha.

- É igual à do Gabriel Jesus. A diferença é que na dele está escrito Jardim Peri, e na minha tem uma taça, um campo e uma casa. São os meus sonhos. Eu vi a dele, gostei e quis fazer uma - conta o garoto de 18 anos, que já sentiu o gostinho de atuar na equipe profissional do Verdão, em partida contra o Vitória.

- Agora quero conquistar a taça pelo profissional e depois a casa para a minha mãe.

A semelhança não está só na tatuagem. Ao verem Fernando em campo ao longo de em 2017, seja na campanha do título paulista sub-20 do Palmeiras, no vice da Copa RS Sub-20 ou nos treinos com a equipe principal, muitas pessoas lembraram de Gabriel Jesus. Eles têm biótipo parecido e jogam em posição semelhante. O desafio agora é ter trajetória tão feliz.

- Já ouvi essa comparação, todo mundo fala que lembra pela aparência. Mas Gabriel é Gabriel. Eu sou Fernando. Fico feliz, porque é um belo jogador e eu sou fã dele. A força de vontade dele de ganhar, de vencer, a dedicação em campo... Isso serve de motivação para mim - comentou Fernando, que revelou nesta entrevista ao LANCE! uma outra semelhança com Gabriel Jesus:

- Prefiro enfrentar zagueiro do que dar entrevista (risos).

Fernando chamou a atenção de diversos clubes na Taça BH Sub-17 de 2016, quando jogava pela AMDH (Associação Mineira de Desenvolvimento Humano). O Palmeiras venceu os concorrentes e assinou com ele um contrato válido até 2019. Em outubro de 2017, deu um aumento ao garoto e esticou o vínculo até outubro de 2022. Promovê-lo ao elenco profissional ainda em 2018 está nos planos do Verdão.

Antes, porém, o clube vai observá-lo na Copinha. Além do Luverdense, o Palmeiras vai enfrentar o Moto Club-MA (às 21h30 de sexta-feira) e o Taubaté (às 20h de segunda-feira) na primeira fase da Copinha, competição que o clube nunca ganhou.

- Não só para mim, mas para o time todo, para o Palmeiras, significa muito ir em busca de um título inédito - disse o garoto, que levará consigo ensinamentos de um ídolo do futebol:

- Quem mais me deu conselho foi o Zé Roberto. Na concentração para o jogo do profissional eu fiquei no quarto do Michel Bastos e ele me deu muitos conselhos também, muitas dicas. Ele foi um dos que me ajudaram bastante.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos