Corinthians recua por Danilo Avelar, Scarpa e Tréllez; Alessandro explica

  • Thiago Ribeiro/AGIF

    Meia Gustavo Scarpa não se reapresentou ao Fluminense nesta quarta-feira

    Meia Gustavo Scarpa não se reapresentou ao Fluminense nesta quarta-feira

Enquanto acertou a contratação do lateral-esquerdo Juninho Capixaba, do Bahia, o Corinthians recuou nas situações de trÊs alvos: Danilo Avelar, lateral-esquerdo emprestado pelo Torino (ITA) ao Amiens (FRA), Gustavo Scarpa, meia do Fluminense, e Tréllez, do Vitória. Nesta quarta-feira, o gerente de futebol Alessandro Nunes atualizou o status das negociações e praticamente descartou a chegada de Avelar e Tréllez.

Além do recém-chegado Capixaba, o elenco conta com Moisés e o retorno de Guilherme Romão, que estava emprestado ao Oeste, para a lateral esquerda. Esses dois últimos se reapresentaram com o grupo nesta quarta-feira.

"Danilo Avelar foi um atleta que a gente olhou bastante em dezembro, já tínhamos monitorado, buscamos nos aprofundar um pouco mais na tomada de decisão, mas voltamos um pouco atrás pelo modelo. Seria um modelo de aquisição e a gente queria um empréstimo, por isso acredito que a gente não deve trazer", afirmou Alessandro.

O Corinthians também praticamente descartou atacante Tréllez. Neste caso, porém, a saída de Jô fez o clube repensar sua estratégia no mercado para adquirir um centroavante.

"O Vitória nunca levantou a bandeira de pagar a multa e levar o atleta. Ele passou por um momento eleitoral e, num segundo momento avaliamos a tomada de decisão. Negociávamos quando tínhamos o Jô. O Trellez viria para ser opção, mas agora não temos o artilheiro do Brasileiro. Não temos duas balas para atirar, às vezes é melhor aguardar e gastar na hora certa", esclareceu o gerente.

O Corinthians havia autorizado o agente do colombiano a trabalhar com uma oferta em dinheiro mais a cessão de jogadores ao Vitória. O clube baiano, no entanto, considerou a pedida muito abaixo e exigiu o pagamento de R$ 10 milhões, valor da multa rescisória - rejeitado pela diretoria do Alvinegro.

O poderio econômico também faz Alessandro vê com pessimismo a chegada do meia Gustavo Scarpa, do Fluminense. O clube carioca pedia uma quantia em dinheiro mais a cessão de jogadores. Um deles seria o atacante Lucca, que se reapresentou com o grupo nesta quarta-feira e passou a fazer parte dos planos do técnico Fábio Carille.

"É um setor muito difícil de encontrar, atletas de meio-campo, atletas com competência, qualidade. Não posso hoje dizer que ele seria o nome, é um atleta do Fluminense, é uma questão dele. Não posso ignorar, também, a vontade de tê-lo. Hoje é um atleta do Fluminense, o que posso dizer é que é um excelente atleta e que é óbvio que gostaria de ter. Chegamos a conversar em dezembro, mas não seguimos", afirmou Alessandro.

Até o momento, o Corinthians anunciou o atacante Júnior Dutra e acertou com Juninho Capixaba, além do volante Renê Júnior. Há acordo salarial com o zagueiro Henrique, mas ele ainda acerta a rescisão com o Fluminense. A diretoria também sonha com o meia Gustavo Scarpa, do clube carioca. Nas palavras de Alessandro, porém, a chegada é difícil. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos