No radar do Bota, Kieza é elogiado pelo técnico Felipe Conceição: 'Jovial'

Do UOL, em São Paulo

  • Maurícia da Matta/Vitória

Enquanto vê alvos antigos para o ataque (Rafael Moura, Bergson, Barcos...) definirem os seus destinos em 2018, o Botafogo segue na busca por um camisa 9, para ser o substituto de Roger. E um novo nome em pauta agora é o de Kieza, de 31 anos, que defende o Vitória, e chegaria com aprovação do comandante do Alvinegro, Felipe Conceição.

"Ele é um excelente atacante. Dispensa comentários. Se vier, realmente agregará ao grupo. É um cara mais experiente, porém com uma característica de jogo jovial. Se movimenta, é um atacante de mobilidade, boa finalização, boa técnica. Acho que encaixaria bem, mas vamos ver os próximos capítulos", comentou o treinador, ao Sportv, pouco depois de ser categórico na entrevista coletiva de apresentação: não há carências no atual plantel. Quem chegar, é para somar.

Kieza tem contrato com o rubro-negro baiano até o final deste ano e marcou 12 gols em 31 jogos em 2017. Apesar disso, a manutenção do jogador, que ficou cerca de dois meses machucado por causa de uma luxação no braço, não é vista como prioridade no Vitória. No final do ano passado, o clube baiano chegou a negociar uma troca do atacante pelo volante do Escudero, do Vasco.

No Brasil, Kieza também jogou no Fluminense, Cruzeiro, São Paulo, Náutico e Ponte Preta, além de clube menores como o Americano, de Campos dos Goytacazes, no Rio de Janeiro. Fora, jogou no Al-Shabab (EAU) e Shanghai Shenxin (CHN).

 

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos