Coutinho pode pagar R$ 58 milhões para agilizar ida ao Barcelona

A imprensa catalã segue convencida que Philippe Coutinho será reforço do Barcelona nesta janela de transferências. Neste sábado, o jornal "Mundo Deportivo" revelou que o brasileiro pode desembolsar a diferença que falta entre a proposta dos espanhóis e o exigido pelo Liverpool para liberá-lo. O valor é de 15 milhões de euros (R$ 58,2 milhões).

O periódico afirma que esse valor estaria incluso no montante que Coutinho receberia na transação. A intenção do jogador é fechar a negociação o quanto antes para atuar pelo Barcelona já em janeiro.

Na última sexta-feira, o "The Times" divulgou que o Barcelona aumentou a proposta para 160 milhões de euros (R$ 622 milhões). Deste montante, 120 milhões (R$ 467 milhões) seriam pagos no ato da contratação. Os outros 40 milhões de euros (155 milhões) variam de acordo com as metas cumpridas pelo atleta.

Caso o valor seja aceito pelo Liverpool, será a maior contratação da história do Barcelona. No início da temporada, os Blaugranas desembolsaram 105 milhões de euros (R$ 408 milhões) para tirar Dembélé do Borussia Dortmund. Além deste montante, outros 40 milhões de euros podem chegar aos cofres do clube alemão em forma de variáveis, assim como tem sido feito por Coutinho.

Já a negociação mais cara da história do futebol teve o Barcelona como envolvido. No início da temporada, o PSG pagou 222 milhões de euros (cerca de R$ 865 milhões) aos espanhóis pela contratação de Neymar.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos