Valdívia torce por permanência no Atlético-MG: "Vou fazer a minha parte"

  • Bruno Cantini/Atlético

    Valdívia em treino do Atlético-MG

    Valdívia em treino do Atlético-MG

Contratado em 2017, Valdívia termina o seu vínculo com o Galo em maio. O jogador, no entanto, pensa em renovar com o Atlético-MG. O atleta tem o Campeonato Mineiro e as primeiras fases da Copa do Brasil para provar à diretoria que a renovação é o melhor caminho.

"Vou fazer a minha parte, aqui ou em outro lugar, vou jogar meu futebol alegre, feliz. Estou pensando em fazer um bom Mineiro, para poder ficar mais, até o fim da temporada. É o que eu mais quero. São dois anos que não fiz pré-temporada porque me machuquei. Estou tendo esse privilégio de fazer a pré-temporada. Se dependesse só de mim, seria muito mais fácil. Vou fazer um bom Mineiro e esperar o que vai acontecer", afirmou o meia.

Valdívia foi emprestado ao Atlético-MG por um ano, com os direitos fixados em 15 milhões de euros, aproximadamente R$ 54,6 milhões. A contratação girou em torno de R$ 1,5 milhão. O jogador deixou claro o desejo de permanecer o clube e dar sequência na carreira.

"Já falei no ano passado que queria permanecer, mas as coisas não são como a gente quer. Tenho de fazer por merecer. Espero ficar mais, até o fim do ano", disse.

Em 2017, Valdívia atuou em 31 partidas, fez dois gols e deu duas assistências.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos