Mufarrej crê em desfecho do 'caso Rony' ainda nesta segunda-feira

O presidente Nelson Mufarrej está confiante em um breve desfecho na situação que envolve o acerto do atacante Rony com o Botafogo. Isso, porém, não significa que o mandatário do Alvinegro acredite em um final feliz. No lançamento do Campeonato Carioca, ele falou com a imprensa e garantiu que o departamento jurídico do clube já cuida da situação.

- Existe um contrato feito com o Cruzeiro em que nós passamos o Bruno Silva para eles por R$ 4 milhões. Em troca, viria o Rony, com um percentual para nós. Fomos notificados e os departamentos jurídico e de futebol do clube estão vendo como conciliar tudo. Caso contrário, o Cruzeiro vai ter que nos pagar mais R$ 1 milhão. Acredito que hoje (segunda-feira) à tarde vamos ter uma posição definitiva - comentou Mufarrej.

Mesmo anunciado oficialmente pelo Glorioso, o atacante nem pode treinar com os companheiros enquanto a situação for regularizada. Ele ainda não assinou contrato. Na noite do último domingo, o Albirex Niigata, time japonês que Rony defendeu em 2017, emprestado pelo Cruzeiro, solicitou à Raposa o retorno do jogador.

O que acontece é que o contrato do clube mineiro com o asiático previa uma renovação automática de três anos ou uma multa de R$ 32 milhões a ser paga pela Celeste. Os japoneses, que acabaram rebaixados, ainda não tinham demonstrado interesse no retorno do jogador.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos