Aloisio fala o que o cativou a seguir na China e dá recado ao São Paulo

Um dos destaques do futebol chinês nas últimas temporadas, Aloisio, de 29 anos, seguirá atuando no país asiático pelo quinto ano consecutivo. Nesta semana, o Boi Bandido acertou contrato até o fim de 2019 com o Meizhou Meixian Techand, recém-promovido à Segunda Divisão local.

Desde o fim da temporada passada, quando seu contrato com o Hebei Fortune se encerrou, Aloisio foi procurado por clubes da Europa e do Brasil, mas resolveu seguir na China. E ele comentou a decisão.

- Estou contente porque o meu objetivo era permanecer na China por mais alguns anos. Fico feliz por ter conseguido e agora é hora de treinar forte para fazer uma boa temporada - disse, completando:

- Recebemos algumas sondagens importantes, tanto de clubes do Brasil como da Europa, mas em nenhum momento tive qualquer proposta oficial para poder decidir. O único clube que apresentou algo concreto foi o Meizhou Meixian Techand e resolvi aceitar o projeto, mas mesmos essas sondagens me deixaram muito feliz porque é sinal de que o trabalho está sendo observado. Continuarei me dedicando muito para seguir evoluindo - completou o jogador, que terá a companhia dos compatriotas Victor Ramos e Muriqui.

Aloisio ainda falou sobre o carinho pelo São Paulo, onde viveu ótima temporada em 2013, disse ter ter balançado com a sondagem do ex-clube, mas reiterou que seu projeto era mesmo seguir na China.

- De todas as sondagens que tivemos, a do São Paulo mexeu demais comigo, mas o pessoal sabia que eu tinha essa proposta e em nenhum momento me ofereceu algum tipo de contrato. Todo mundo sabe o carinho e admiração que tenho pelo São Paulo, clube que fez tanto por mim, mas sempre deixei claro que queria permanecer na China por mais um ou dois anos - ressaltou o Boi Bandido, que ainda desejou sorte a Rai e Ricardo Rocha como dirigentes.

- Estou torcendo muito para o Raí e para o Ricardo realizarem um excelente trabalho porque são ótimas pessoas e grandes profissionais. Tenho certeza que, assim como foram muito importantes dentro de campo, farão o melhor para o clube como dirigentes.

O primeiro time do atacante na China foi o Shandong Luneng; o segundo, o já citado Hebei Fortune, clube no qual marcou 41 gols em 85 partidas.

Agora Boi Bandido jogará em Meizhou, cuja população é de 4,3 milhões de habitantes. O Meixian Techand, de acordo com o site "China Brasil Futebol", planeja ser uma potência local e continental apostando em brasileiros.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos