Olho neles! Decisão 'tupiniquim' abre temporada do futebol tailandês

Destaques no futebol asiático há muito tempo, mais uma vez os brasileiros estarão no centro das atenções nesta sexta-feira, às 10h (de Brasília), na decisão da Supercopa da Tailândia, entre Buriram United e Chiangrai United, que marcará a abertura da temporada do futebol no asiático.

Do lado do Buriram United, atual campeão tailandês, estarão os atacantes Diogo, grande ídolo da equipe, e o recém-chegado Edgar, ex-jogador do São Paulo e do Vasco da Gama. Já no Chiangrai United, que venceu a FA Cup da última temporada, além de toda a comissão técnica ser brasileira, chefiada pelo técnico Alexandre Gama, os dois atacantes do time também são brasileiros: Gilberto Macena, ex-Shandong Luneng e Buriram, e Cleiton Silva, ex-Querétaro. O time conta ainda com o defensor Victor Cardozo, ex-Campinense.

- Acredito que será um jogo muito difícil, até porque o Chiangrai desde o ano passado tem investido bastante no time, apesar de ter mudado a maioria dos estrangeiros. Dois dos novos contratados eu conheço. O Macena jogou comigo no Buriram e o Cleiton Silva já atuou pelo Muangthong, nosso rival. São dois caras experientes, vitoriosos por aqui e que conhecem bastante o futebol tailandês. Até por isso, aposto que seja um jogo bem complicado - analisa Diogo.

O jogo de sexta-feira, que valerá o título da Supercopa da Tailândia, será disputado no estádio Suphachalasai, na capital Bangkok. Enquanto o Chiangrai United buscará apenas seu segundo título na história, o Buriram United é o time mais vencedor do futebol tailandês, principalmente, nos últimos anos.

- Treinamos forte nesses 15 dias que tivemos de pré-temporada, mas não é fácil iniciar o ano com uma final, um jogo importante como este, com tão pouco tempo de treinamento. Mas isso vale para as duas equipes e fizemos o que pôde ser feito nesses dias. Numa final também conta muito o aspecto da motivação extra e por isso creio que estamos preparados para fazer um bom jogo - comenta Diogo.

Aliás, desde a chegada de Diogo ao clube, no início de 2015, o brasileiro já faturou dez títulos, sendo os mais importantes o bicampeonato tailandês (2015 e 2017), o bicampeonato da Copa da Liga Tailandesa (2015 e 2016), a FA Cup (2015), e o bicampeonato da Supercopa da Tailândia (2015 e 2016). Portanto, o atacante, revelado na Portuguesa, buscará o tricampeonato da Supercopa.

Além desta decisão, os times ainda terão outras competições nesta temporada. Tanto o Chiangrai quanto o Buriram terão os mesmos compromissos em 2018: Campeonato Tailandês, FA Cup, Copa da Liga Tailandesa e Liga dos Campeões da Ásia. A única diferença é que o Chiangrai entrará na fase preliminar - enfrentará o Bali United, da Indonésia - e, caso avance, ainda terá que passar pela fase de playoff para poder ingressar na fase de grupos, onde o Buriram já está no grupo G, ao lado do chinês Guangzhou Evergrande, do japonês Cerezo Osaka e do sul-coreano Jeju United.

- Teremos uma competição muito importante que começará em breve, que será a Liga dos Campeões da Ásia, que é relevante para o clube e até mesmo para o futebol tailandês. Nosso objetivo é conseguir ir bem nesta competição também e, por isso, será importante já começar a temporada sendo campeão da Supercopa para que isso nos motive para estes outros objetivos no ano -finaliza Diogo, que já marcou 90 gols e deu 29 assistências em 105 partidas disputas com a camisa do Buriram United.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos