Piqué renova com o Barça e passa a ter multa rescisória faraônica

No dia 23 de julho do ano passado, Piqué postou uma foto ao lado de Neymar, então em negociação com o Paris Saint-Germain, e escreveu "Se queda (Fica, em português). Como sabemos, Neymar acabou saindo do Barcelona. No entanto, nesta quinta-feira, o zagueiro ganhou todos os motivos para reescrever a legenda onde quer que seja: seu contrato foi renovado até 2022.

A extensão do vínculo de Piqué, que antes expirava em 2019, foi anunciado pelo site oficial do Barcelona. E o impressionante: segundo o clube, a multa rescisória do defensor beira os 500 milhões de euros (cerca de R$ 2 bilhões).

Piqué é criado na base do Barça, em La Masia, onde desembarcou em 1997, quando tinha apenas dez anos. Chegou a ser emprestado, ainda nas divisões inferiores, ao Manchester United, que o emprestou ao Real Zaragoza (em 2006).

Voltou aos Red Devils para mais uma temporada e, em 2008/09, retornou ao Camp Nou, por 4 milhões de libras (cerca de R$ 18 milhões), para - até o momento - não sair mais.

Ao todo, o zagueiro campeão do mundo pela Espanha (em 2010) já realizou 421 jogos com a camisa do Barça e conquistou 25 títulos: três Liga dos Campeões, seis Ligas Espanholas, cinco Taças do Rei, cinco Supertaças de Espanha, três Supertaças da Europa e três Mundiais de Clubes.

Já em relação a partidas oficiais, Piqué acumula 422 jogos com a camisa culé, com 37 gols marcados. O próximo jogo será diante do Betis, domingo, fora de casa, pela 20ª rodada do Campeonato Espanhol, cuja topo é ocupado justamente pelo Barcelona, que vem de derrota pela Copa do Rei.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos