Portuguesa vence nos pênaltis, e Palmeiras mantém jejum na Copinha

Não será em 2018 que o Palmeiras vai encerrar seu jejum de títulos na Copa São Paulo. Nesta sexta-feira, o Verdão perdeu para a Portuguesa nos pênaltis por 3 a 2, após o empate em 1 a 1 no tempo normal. Apesar de toda a expectativa sobre o time sub-20 alviverde, foi a equipe rubro-verde que avançou à semi e aguarda o vencedor do confronto entre Avaí e Flamengo.

Depois de disputar toda a competição em Taubaté (SP), o Verdão pela primeira vez nesta Copinha jogou em São Paulo (SP). O que poderia ser o motivo para ter casa cheia criou, na verdade, protesto de torcedores. Isto porque a Federação Paulista de Futebol (FPF) decidiu cobrar ingressos para a partida no Pacaembu, sendo que no restante da competição a entrada era franca.

Com entradas entre R$ 30 e R$ 50, a Mancha Alviverde, principal torcida organizada do clube, foi até a entrada do estádio municipal e, como protesto, não entrou para assistir ao jogo. Eles levaram faixas para mostrar a indignação com a cobrança da FPF.

Sem as uniformizadas na arquibancada, o Verdão teve de lidar com um problema que imaginava estar livre após sair de Taubaté: a queda de energia. Quando a partida ainda estava empatada em 0 a 0, no primeiro tempo, os refletores do Pacaembu apagaram, ocasionando um atraso.

Após o reinício, Maílton teve grande chance para abrir o placar, mas o goleiro da Lusa, Matheus, fez grande defesa. Cinco minutos depois, Thawan sofreu pênalti de Iago. Ele mesmo cobrou e abriu o placar para a Portuguesa, no fim da etapa inicial.

Contra um time mais organizado, o Verdão encontrou dificuldades para marcar, apesar da pressão. O time comandado por Wesley Carvalho teve chances claras, mas a afobação acabou atrapalhando. O empate viria apenas aos 30 minutos da etapa final, com Yan completando rebote do chute de Fernando.

Nas penalidades, José Aldo e Johnny converteram para o Palmeiras, mas Alan e Léo Passos bateram para fora, enquanto o próprio Yan parou no goleiro Matheus. Anderson, goleiro do Verdão, até pegou o primeiro chute da Lusa, de Matheus França, mas Bahia, Caíque Felix e Marques marcaram e deram a vaga para a equipe do Canindé. Campeão paulista sub-20 em 2017, o Palmeiras continua sem um título da Copinha, principal competição de base do Brasil.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos