Além de Fernandinho, Fábio Ferreira e João Lucas acionam a Ponte Preta na justiça

Além de Fernandinho, que conseguiu rescindir o contrato com a Ponte Preta, o zagueiro Fábio Ferreira e o lateral João Lucas cobram dinheiro da Macaca na justiça.

Fábio, que chegou à Ponte em 2015 e ficou até o encerramento da temporada passada, pede R$ 1.055.126,91 do clube de Campinas. Afastado desde maio, o zagueiro cobra direitos de imagem de maio a dezembro e salários dos dois últimos meses do ano, além de diferenças relacionadas ao 13º salário, férias e FGTS.

Já João Lucas, que defende atualmente o Figueirense exige R$ 566.991,09. Vale lembrar que o jogador atuou em dez jogos até ser dispensado. O lateral ficou um tempo afastado do elenco principal e fez um acordo para parcelamento de salários e direito de imagem. De acordo com os advogados de defesa, a Macaca pagou apenas a primeira parcela. Por isso, são cobradas indenizações.

Os dois jogadores e Fernandinho, que pede R$ 468.550,00 da Ponte Preta, são representados pelos mesmos advogados, Filipe Rino e Thiago Rino. No total, as ações superam os R$ 2 milhões.

A Ponte alegou não ter recebido a notificação oficial sobre os processos envolvendo Fábio e João Lucas e por isso decidiu não comentar os casos. A Macaca pretende pedir revogação da decisão envolvendo Fernandinho, pois garante estar em dia com as obrigações financeiras.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos