Fora de forma, Renê Júnior perde 1ª grande chance no Corinthians

  • Twitter/Reprodução

Dos novos contratados que já vestiram a camisa do Corinthians em 2018, o volante Renê Júnior é quem passa pela situação mais difícil até o momento. Fisicamente abaixo da maioria dos jogadores do grupo, Renê perderá sua primeira grande chance no clube nesta quarta-feira, quando o técnico Fábio Carille pretende mandar a campo contra a Ferroviária um time reserva, poupando os titulares para o clássico contra o São Paulo no próximo sábado.

Elogiado pela comissão técnica por sua versatilidade, Renê foi um dos primeiros contratados, ainda no ano passado, ao lado do atacante Júnior Dutra. Ele saiu de férias restando apenas a assinatura de contrato, mas se reapresentou em condições consideradas abaixo do ideal. Por isso, jogou apenas parte do segundo jogo da Florida Cup, contra o Rangers (ESC), derrota por 4 a 2. No Paulista, nem sequer foi relacionado.

Na última segunda-feira, o técnico Carille começou a montar o time alternativo e uma lacuna poderia ser ocupada por Renê. É que o técnico escalou nove jogadores de linha, restando uma vaga, justamente a de primeiro volante, uma das posições em que o reforço pode ser utilizado.

Vale lembrar que a concorrência será alta para Renê no Corinthians. Além de Gabriel ser titular absoluto, o técnico Fábio Carille conta com diversas opções para o meio de campo. Só para se ter uma ideia, o Timão se reapresentou com nove volantes no elenco: Gabriel, Camacho, Maycon, Mantuan, Paulo Roberto, Fellipe Bastos, Jean, Warian e o próprio Renê. Desses, Bastos e Jean já foram colocados fora dos planos e devem ser negociados; Paulo Roberto está machucado e Mantuan vem sendo utilizado como lateral direito. Mas Renê ainda não pode brigar de igual. No treino, ele fez apenas trabalhos físicos.

O jogador tem treinado em dois períodos sob supervisão dos preparadores físicos e tem ficado fora das atividades técnicas em campo. Enquanto isso, Carille deve escalar Camacho e Maycon no jogo contra a Ferroviária na próxima quarta. Pior para o reforço.

Além de Renê, dois outros contratados para este ano já estrearam e vivem situação diferente. O lateral-esquerdo Juninho Capixaba já assumiu a posição - contra o São Caetano, no último domingo, ele teve atuação elogiada. Já Júnior Dutra caminha a passos largos para ocupar o lugar de Kazim no ataque. Enquanto o turco convive com críticas, Dutra entrou no último jogo e deixou sua marca. Ele deve ser titular na quarta comandando o ataque.

O jogo contra a Ferroviária também deve marcar a estreia de Mateus Vital, meia contratado do Vasco. Ele tem ido muito bem nos treinos e tem condição física boa, já que vinha de pré-temporada no Vasco. O zagueiro Henrique e o atacante Emerson Sheik, as outras contratações, ainda não têm previsão de estreia. Henrique ainda aguarda o acerto de sua documentação, enquanto Sheik trabalha para entrar em forma.

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos