De Amores agradece e diz que carinho da torcida do Flu motivou sua chegada

  • Lucas Merçon/Fluminense

Escolhido pela torcida, Guillermo De Amores foi apresentado pelo Fluminense e explicou os motivos que o levaram a aceitar o convite do clube das Laranjeiras. Logo em sua primeira resposta, o goleiro uruguaio deixou claro que as mensagens dos tricolores na rede social tiveram influência em sua decisão.

- Estava treinando no Boston River-URU, tive uma proposta do exterior e por sorte foi o Fluminense. Creio que o futebol brasileiro está em um nível muito alto. Será um crescimento profissional muito importante para mim. Joguei contra o Fluminense e toda a torcida me motivou para vir para cá - afirmou De Amores, que defendeu o Liverpool-URU, rival do Flu na Sul-Americana de 2017.

A diretoria do Flu anunciou quatro reforços para 2018: Gilberto, Jadson, Airton e De Amores. O acerto com o goleiro uruguaio foi, de longe, o que mais impactou a torcida tricolor, que movimentou as redes sociais com a hashtag #DeAmoresNoFlu.

Aproveitando o embalo, o Tricolor promoveu uma promoção com os sócios e o vencedor, Rafael Soares, participou da apresentação entregando a camisa nº 27 ao goleiro. No CT Pedro Antonio, o uruguaio foi um dos mais tietados pelas crianças do FluCamp, que visitaram o complexo esportivo nesta sexta-feira.

- Foi tudo muito lindo. Já fui pequeno, já estive daquele lado e sei o quanto ver o treino e conhecer os jogadores é importante e legal para eles - comentou.

De Amores foi anunciado como reforço do Fluminense na última segunda-feira, dia 22. Aos 23 anos, o goleiro assinou um contrato de empréstimo até o fim de 2018, podendo ser renovado por mais uma temporada. O uruguaio acumula passagens pelas seleções de base, inclusive no Mundial Sub-20 disputado em 2013, quando a Celeste foi vice-campeã ao perder nos pênaltis para a França.

Sonhando com a Copa do Mundo da Rússia, Guillermo De Amores acredita que o Fluminense pode ser uma "vitrine importante" para ser convocado. Primeiro, o goleiro quer se adaptar ao novo clube e mostrar suas qualidades em campo.

- É um passo a mais para mim. Sei que para ser convocado tenho que estar jogando bem, em um ótimo nível e isso me motiva muito - concluiu De Amores.

Brasil e Uruguai têm acordo de trabalho, então Guillermo De Amores não precisa tirar visto de trabalho. Para ter condições de estrear pelo Fluminense, falta apenas a publicação de seu nome no Boletim Informativo Diário da CBF.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos