Veja o que cada grande do Rio precisa para ir às semifinais da Taça GB

A Taça Guanabara, primeiro turno do Carioca, chega à penúltima rodada neste fim de semana. Na reta final para definir os semifinalistas da competição, dos grandes apenas o Flamengo, que está com 100% de aproveitamento, vive situação tranquila. O Botafogo está em segundo lugar no Grupo C, apenas um na frente do Macaé, e Vasco e Flamengo nem estão na zona de classificação. Por isso, o LANCE! mostra o que cada um deles precisa para avançar no torneio.

Botafogo

No embolado Grupo C, o Botafogo precisa apenas de suas forças para se classificar para as semifinais. O Alvinegro está em segundo lugar, com cinco pontos, um a menos do que o Boavista e uma a mais do que o Macaé, terceiro colocado. Já nesta rodada o Glorioso encara o líder, e tem a chance de assumir o primeiro lugar da chave. Para não depender de outros resultados, o Bota terá que vencer também o Madureira na última rodada.

Flamengo

Atuando com a força dos jovens criados na sua base, o Flamengo começou muito bem a temporada, com três vitórias em três jogos. Líder do Grupo B com nove pontos, o Rubro-Negro tem pela frente na próxima rodada o clássico com o Vasco. Para se classificar faltando um jogo, basta um empate para, desde que não tenha um vencedor entre Bangu x Nova Iguaçu, ou isso aconteça, a Cabofriense não ganhe do Volta Redonda.

Fluminense

Ainda sem vencer no Carioca, o Fluminense está na lanterna do Grupo C, com apenas dois pontos. O Tricolor não depende mais só de suas forças para avançar e necessita de combinações de resultados. Por isso, precisa ganhar seu próximos dois jogos contra Madureira e Macaé, e ainda torcer por dois tropeços do Boavista e pelo menos uma derrota do Botafogo (mesmo assim precisa tirar a diferença no saldo de gols porque pode ficar empatado em pontos). O time de Abel também precisa que a Portuguesa-RJ não vença um de seus jogos.

Vasco

Em quinto lugar no Grupo B, com apenas três pontos, o Vasco precisa vencer Flamengo e Volta Redonda, e torcer por pelos menos um tropeço de Bangu, Nova Iguaçu e Cabofriense. Em caso de derrota ou empate em uma das partidas que restam, o Cruz-Maltino vai precisar de uma combinação de resultados mais difícil, que os três adversários da chave não vençam nenhuma das suas próximas partidas.

Valor da Taça Guanabara

Conquistar o primeiro turno do Estadual não tão é importante porque o time ainda vai ter mais chances de chegar na decisão da competição. Caso um clube seja campeão dos dois turnos - Taça Guanabara e Taça Rio -, ele já terá assegurado o lugar na final geral do Carioca.

Mas isso não vai "matar" as semifinais do Carioca, disputadas pós-Taça Rio. Nesta hipótese, elas serão disputadas entre os quatro times de melhor campanha (do segundo ao quinto colocado na classificação geral). O "campeão" dessa mini fase final de mata-mata, então, se juntará ao clube que já tinha faturado os dois turnos para decidir, em jogo único, o campeão Carioca-2018.

Diante da hipótese de que um time não vença os dois turnos, os campeões da Taça Guanabara e Taça Rio chegarão às semifinais do Estadual com vantagem do empate.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos