Tempo de iluminar! Grêmio aposta na volta dos titulares para evitar riscos no Gauchão

O péssimo início de temporada acendeu uma luz bem incômoda no Grêmio: a da lanterna. Após a equipe somar um ponto em cinco jogos no Gauchão, os titulares retornam com o desafio de dar bons resultados rapidamente. Consequências de um planejamento forçado pelo calendário, e que não rendeu tanto quanto o esperado.

Ao LANCE!, o presidente do Tricolor gaúcho, Romildo Bolzan Junior, detalhou como foi traçado o planejamento para o começo da competição:

- Nós não pudemos jogar com o time titular no início do Campeonato Gaúcho por uma questão de ordem legal. Os jogadores disputaram o Mundial de Clubes até o fim de dezembro, e precisavam ter férias de 30 dias. Infelizmente, tivemos esta questão de calendário aqui no Brasil. Com o fato do Gauchão começar mais cedo em 2018, acabamos recorrendo ao nosso time de transição. Mas, agora, as coisas vão se ajustar.

Comandada por César Bueno, a equipe de transição gremista trazia jogadores renomados, como o goleiro Bruno Grassi e o recém-contratado Madson. Ao lado deles, promessas como Balbino, Jean Pyerre, Matheuzinho, Pepê e Isaque. Porém, deslizes foram fatais neste início do Gauchão:

- Esta geração de transição do Grêmio é muito boa. Mas o problema é que o time foi muito aberto, muito "faceiro", e tomou muitos gols. O treinador não mostrou um trabalho bom, aí com um empate em quatro jogos, foi antecipada a volta dos titulares. A força máxima jogou contra o Cruzeiro-RS mas, sem ritmo, perdeu por 1 a 0 - opinou o jornalista Rodrigo Oliveira, da Rádio Gaúcha, ao LANCE!.

O Tricolor gaúcho sofreu 12 gols (11 com a equipe de transição, e um no jogo com os titulares). O saldo de gols gremista atualmente é de -6. Trata-se da pior defesa até o momento no Gauchão.

Mesmo na lanterna e a três pontos de escapar da zona da degola (o São Paulo-RS, em décimo, tem quatro pontos, e saldo de -3, após o empate em 0 a 0 com o Novo Hamburgo), em território gaúcho ainda não há receio de o Grêmio disputar a Divisão de Acesso em 2019:

- Preocupação com o rebaixamento não existe, porque tem muito time fraco neste Gauchão. Independente da pontuação que a equipe faça, acabará à frente de algumas equipes tecnicamente mais fracas, e não deve cair. Agora, este início é um constrangimento de qualquer forma - revelou Luis Henrique Benfica, repórter da Rádio Gaúcha.

BUSCA É POR CLASSIFICAÇÃO NO GAUCHÃO... E VISAR OUTROS TORNEIOS

Embora não tenha vencido uma partida sequer no Estadual, o Tricolor gaúcho ainda volta suas expectativas para se manter na busca por uma vaga nas quartas de final. Além de ainda faltarem seis partidas da primeira fase (uma delas, o Gre-Nal, além de uma partida complicada com o Juventude no alçapão do Alfredo Jaconi), o regulamento prevê que oito dos 12 clubes se classifiquem. A colocação final só serve para estabelecer quem será o mandante do segundo jogo de mata-mata.

O temor entre torcedores gremistas é de que a equipe se complique justamente para ficar entre os oito primeiros na fase inicial:

- O desempenho da equipe de transição antecipou a chegada dos titulares. Mas, de qualquer forma, com a equipe de Renato Portaluppi ganhando ritmo, a tendência é de que o Grêmio se classifique - crê o repórter Rodrigo Oliveira.

O mandatário do Grêmio, Rodrigo Bolzan Junior, não teme a pressão. Ao LANCE!, ele garantiu que, nesta quarta-feira, contra o Brasil de Pelotas, o torcedor pode esperar força máxima no Gauchão. Em especial, porque o Tricolor gaúcho está de olho também em outra competição.

- Teremos de novo nosso time titular nesta quarta-feira. Além de confiarmos na recuperação no Gauchão, significará um apronto para o time que entrará em campo na final da Recopa Sul-Americana.

Após o duelo com o Brasil de Pelotas, o Grêmio fará o jogo de ida da Recopa, contra o Independiente-ARG no dia 14, no Estádio Libertadores de America (o jogo de volta é no dia 21). Indício de que o Tricolor gaúcho tem de se mostrar bem mais iluminado no Gauchão para evitar novos atropelos no planejamento da sua equipe.

PRÓXIMOS JOGOS DO GRÊMIO NO GAUCHÃO

07/02 - Brasil de Pelotas - Arena - 21h45

?17/02 - Veranópolis - Antonio David Farina - 21h30

25/02 - Novo Hamburgo - Arena - 16h

?04/03 - Juventude - Alfredo Jaconi - 16h

07/03 - São Paulo-RS - Arena - 21h45

11/03 - Internacional - Beira-Rio - 11h

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos