Diretor do Corinthians fala sobre Allianz Parque: Parece baleia em aquário

  • Julia Chequer/Folhapress

O diretor de marketing do Corinthians, Luis Paulo Rosenberg, analisou as diferenças entre a Arena do Timão e o Allianz Parque, estádio do Palmeiras. O dirigente alvinegro elogiou a casa do rival, mas também disse que "parece uma baleia em um aquário", em referência ao pouco espaço no entorno.

"Não tem comparação entre a arena do Palmeiras e a do Corinthians. A localização da arena do Palmeiras é privilegiada. Para esses eventos de 40 ou 50 mil pessoas de artistas internacionais, a arena do Palmeiras é imbatível", afirmou Rosenberg, em entrevista à ESPN Brasil.

"Agora, para esta vantagem corresponde uma desvantagem. Você olha a arena do Palmeiras e parece uma baleia em um aquário. O espaço é muito caro, muito escasso e você tem de ocupá-lo como foi ocupado. A saída do estacionamento do Palmeiras é uma tragédia. Ele é assim apertadinho, como dizer assim. Cria um constrangimento no entorno cada vez que há um evento ou um jogo. O nosso, não. A nossa arena é espaçosa", acrescentou.

"O Allianz não tem a monumentalidade que tem o estádio do Corinthians. Você passa e fala "oh!". No Palmeiras, você passa e nem viu que tinha um estádio do lado", prosseguiu o dirigente.

Rosernberg voltou ao Corinthians com o presidente Andrés Sanchez. Durante a entrevista à ESPN Brasil, o dirigente disse que a Arena será paga pelo Timão e que a prioridade agora é conseguir um patrocínio master.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos