Diretoria se reúne, avalia trabalho e mantém Dorival Júnior no São Paulo

A diretoria do São Paulo se reuniu na manhã desta segunda-feira, com o presidente Carlos Augusto de Barros e Silva presente, para avaliar o trabalho de Dorival Júnior. E o técnico, apesar de estar há três partidas sem vencer, segue no cargo.

O encontro envolvendo os dirigentes ocorreu no CT da Barra Funda e começou enquanto Dorival comandava atividade no campo. Entre os presentes na reunião, estavam, além de Leco, o diretor executivo de futebol Raí, o coordenador de futebol Ricardo Roca e o superintendente de relações institucionais Diego Lugano.

Mas a reunião, segundo os presentes, não chegou nem a ter como discussão a permanência de Dorival, já decidida logo após o 0 a 0 diante da Ferroviária, no Morumbi, nesse domingo. O intuito foi a avaliação do trabalho do treinador para enxergar evolução e formular cobranças, caso necessárias.

Dessa forma, mesmo com a demissão cobrada por torcedores e chamado de "burro", Dorival comandará a equipe contra o CRB, às 19h30 desta quarta-feira, novamente no Morumbi, pelo confronto de ida da terceira fase da Copa do Brasil. Mas o resultado diante dos alagoanos pode definir o futuro do técnico.

Dorival chegou ao São Paulo em julho e comandou a recuperação no segundo turno do Campeonato Brasileiro que evitou o rebaixamento. Tem contrato até dezembro, com 37 jogos no clube, acumulando 15 vitórias, 11 empates e 11 derrotas. Lidera o Grupo B do Campeonato Paulista e avançou com 100% de aproveitamento na Copa do Brasil, mas vem convivendo com vaias ao longo do ano diante das fracas atuações do time.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos