"InofenSeedorf"! Holandês tem início contestado no Deportivo La Coruña

  • Divulgação

A chegada de Seedorf ao comando do Deportivo La Coruña ainda não trouxe os frutos esperados para diretoria. Em quatro jogos à frente do time da Galícia, o holandês soma um empate e três derrotas, com cinco gols sofridos e nenhum marcado. As críticas ao trabalho já apareceram na mídia espanhola. E bem fortes.

Na última quarta-feira, o Deportivo La Coruña perdeu fora de casa para o Getafe por 3 a 0, e as cobranças aumentaram. O jornal "Mundo Deportivo" foi duro e escreveu em sua manchete: "InofenSeedorf", criticando o falta de poderio ofensivo do La Coruña.

A publicação da Catalunha cita que o técnico deixou, contra o Getafe, o atacante Andone, principal goleador da equipe, e Cartabia no banco de reservas, lançando como titular o experiente Muntari, ex-companheiro de Seedorf no Milan e que chegou há pouco tempo ao clube. Durante grande parte do jogo, o La Coruña foi inofensivo e só foi assustar depois de 80 minutos, quando os principais jogadores já estavam em campo.

Já o jornal "La Voz de Galicia" ressaltou que o holandês foi o segundo treinador a passar os quatro primeiros jogos no Campeonato Espanhol sem marcar um gol. O primeiro foi Enrique Orizaola, treinador do Deportivo na década de 1960.

Depois que se aposentou, Seedorf trabalhou no Milan e Shenzhen FC, da China, como treinador.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos