Marcelo e Yago são apresentados, e volante lembra duelo com Seedorf

  • Vitor Silva/SSPress/Botafogo

Depois dias após a derrota para o Flamengo e na véspera de encarar o Bangu, o Botafogo iniciou a semana apresentando dois reforços para a temporada. Nesta segunda-feira, o zagueiro Yago e o volante Marcelo, ambos já regularizados, foram apresentados junto a Anderson Barros, gerente de futebol, na sala de imprensa do Estádio Nilton Santos.

A dupla está regularizada e, agora, depende apenas de Alberto Valentim para defender a camisa alvinegra. Ex-vitória e de 23 anos, o volante chega por empréstimo do Maccabi Tel Aviv, por onde revelou ter tido dificuldades para se adaptar ao futebol de Israel.

"Tive muita dificuldade, assim como muitos têm quando saem do país, mas aprendi muito como pessoa. A língua e outras questões atrapalharam muito por lá, que é um lugar fantástico", falou Marcelo, que rechaçou a hipótese de ser chamado de "Marcelo Baiano", uma vez que o Bota já possuía um Marcelo, o zagueiro, que passará a ser Marcelo Benevenuto, por opção própria.

Marcelo também lembrou o dia em que, em seu início de trajetória no Vitória, encarou o próprio Botafogo e teve a ingrata missão de marcar Seedorf, em 2013, quando tinha apenas 19 anos.

"Lembro que no meu início de carreira, ainda pelo Vitória, apareci para jogar contra o Botafogo e tinha o Seedorf do outro lado. Foi difícil demais, imagina só? Mas tentei (risos). Aquele dia, passou um nervosismo sobre mim, mas, com a ajuda dos meus companheiros, fui me acalmando, pude ajudar na vitória (1 a 0) e crescer", falou.

Yago é outro que chega por empréstimo. Cedido pelo Corinthians, o zagueiro de 25 anos, que não tem em seu vínculo uma opção de compra, afirmou que está 100% fisicamente e apto a estrear pelo Glorioso.

"Estou 100%, recuperado (de uma cirurgia no joelho) e basta agora me adaptar ao estilo do Valentim. Na minha opinião, a nossa equipe foi muito superior ao do Flamengo. O grupo está pegando bem o jeito do Valentim jogar, e posso dizer que estou pronto para entrar em campo",  salientou Yago, que completou:

"É um prazer muito grande estar no Botafogo. Senti que é um grupo diferente, o ambiente é diferente, com um pessoal mais jovem, porém muito receptivo, o que não é tão normal no início. Me acolheram muito bem, e o Moisés tem me ajudado na adaptação. Isso me dá mais animo para ir bem".

MAIS PARA A LISTA

Com a dupla apresentada nesta tarde, o Botafogo chega a sete reforços em 2018, podendo estender o número. Já chegaram o meia Renatinho, o meia-atacante Luiz Fernando, os atacantes Leandro Carvalho e Kieza e o lateral-esquerdo Moisés. Hoje, apenas os dois últimos são titulares da equipe.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos