Sheik sofre pisão e deixa treino do Corinthians; só reservas e sem gols

Após o empate por 1 a 1 com o Santos, o elenco do Corinthians se reapresentou na manhã desta segunda-feira, no CT Joaquim Grava. Enquanto os titulares fizeram trabalhos regenerativos, os reservas foram a campo e não balançaram as redes na atividade coletiva.

O atacante Emerson Sheik sofreu um pisão no pé esquerdo e deixou o treino mais cedo. Minutos depois desse choque com Kazim, o veterano de 39 anos tirou a chuteira, conversou com o médico Ivan Grava e foi mancando para a parte interna do CT Joaquim Grava. O jogador, porém, não preocupa para

Antes de Sheik sair, o treino coletivo teve as seguintes escalações:

Sem colete: Walter (Filipe), Mantuan, Léo Santos, Pedro Henrique e Sidcley; Ralf e Warian; Pedrinho, Mateus Vital e Júnior Dutra; Kazim.

Sem colete: Cássio (Caíque), Léo Príncipe, Marllon, Carlos e Capixaba; Paulo Roberto e Jean; Lucca, Matheus e Sheik; Danilo.

Quando Sheik saiu, Danilo virou o curinga da atividade, atuando pelos dois times.

As equipes não marcaram durante o treino. A melhor chance foi de Sidcley, que aproveitou rebote em chute de Kazim e acertou a trave. Kazim se lamentou com a chance perdida e soltou palavrões.

Após o coletivo, Lucca e Pedrinho cobraram pênaltis, enquanto os zagueiros fizeram um trabalho específico de rebater bolas de cabeça. Mantuan também fez uma atividade à parte, tirando as bolas pelo alto.

O Corinthians volta a treinar na tarde desta terça-feira. O jogo contra o Mirassol será na quarta, às 21h45, na Arena, pela 11ª rodada do Paulistão.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos