Felipe Melo responde Romero: "De repente não entende muito bem o idioma"

Do UOL, em São Paulo

  • Marcello Zambrana/AGIF

Felipe Melo respondeu na noite desta quinta-feira as declarações de Ángel Romero. O atacante paraguaio disse que o palmeirense chamou o Corinthians de pequeno no ano passado e escapou das críticas por ser brasileiro.

"Eu sou um cara que admito meus erros e não passo a responsabilidade para outros, é feio. Ele é paraguaio e de repente não entende muito bem o idioma. Eu não falei que o Corinthians era time pequeno. Eu me referi ao jogo contra o Corinthians e disse que, sem a bola, o Corinthians estava jogando igual a time pequeno. E estava. Hoje, sem a bola, nós jogamos igual a time pequeno. O que é jogar igual a time pequeno? É correr, fechar os espaços", disse Felipe Melo, após a vitória por 2 a 0 sobre o São Paulo.

"Não sei se tem uma má intenção ao me colocar em uma situação em que não tenho nada a ver. Enfim, é ele lá, eu aqui. Que Deus possa abençoar a vida dele. Mas eu jamais vou dizer que um clube como o Corinthians é pequeno."

Romero se referiu a episódio de abril do ano passado. Depois da partida do Palmeiras contra o Jorge Wilstermann (BOL), pela Libertadores, Felipe Melo falou sobre a retranca do time boliviano e citou a postura do Corinthians na vitória por 1 a 0 do Dérbi de dias antes. "Times pequenos geralmente ficam todos lá atrás. Às vezes acontece o que aconteceu contra o Corinthians, que fez um gol no final por erro nosso".

O corintiano foi criticado por chamar o Santos de time pequeno no domingo passado, após o empate por 1 a 1 entre as equipes no Pacaembu. Ele fez um pronunciamento para se desculpar, mas aproveitou para dizer que se sentiu vítima de preconceito dos jornalistas brasileiros por ser de outro país.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos