Paquetá valoriza tempo com o 'ídolo' Julio Cesar e sonha com a Seleção

Os garotos do Flamengo estão convivendo com referências no dia a dia. Em 2018, Julio Cesar se juntou a Juan, ocupando os postos de referências no elenco. Tanto o goleiro e o zagueiro, revelados na Gávea, são ídolos da torcida.

Segundo Lucas Paquetá, a convivência com os ídolos é gratificante, e o meia comentou como estão sendo os trabalhos desde Julio Cesar voltou em janeiro.

- É gratificante ter essa oportunidade de estar atuando ao lado do Julio Cesar. É um ídolo. A gente vê transparecer Flamengo nele, é uma energia muito boa. É um cara exemplar e que nos passa confiança. A gente sente gratidão por ele.

As boas atuações e os números de Lucas Paquetá em 2018 o colocam como o principal jogador do Flamengo neste início de temporada. O camisa 11, com a técnica e entrega demonstrada em campo, está em alta com a torcida, que já faz coro nas redes sociais pedindo sua convocação para a Seleção Brasileira.

Paquetá, que tem passagens pelas seleções de base, falou sobre "o sonho":

- Todo mundo sonha em vestir a camisa da Seleção. Continuo trabalhando, na minha. Se for possível, vou ter uma gratidão enorme - comentou o camisa 11.

Outro jovem revelado na base está em alta: o atacante Lincoln, que está prestes a assinar renovação de contrato com o Rubro-Negro até dezembro de 2023.

Na última semana, o jovem de 17 anos foi elogiado por Tite e Edu Gaspar, técnico e coordenador do Brasil, respectivamente, o que repercutiu na Gávea.

- Fico feliz porque o Lincoln é um jogador que tem capacidade técnica muito boa. Quando surgiu esse assunto, a gente deu os parabéns para ele. Sempre bom ter o reconhecimento. É manter o que ele vem fazendo - disse Paquetá.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos