Após apagões, Pacaembu passa por testes de energia e ganha reforço

Antes do jogo da Libertadores entre Santos e Nacional-URU, o Pacaembu passará por alguns testes de energia e iluminação. Neste ano, o estádio já sofreu com cinco apagões. O mais recente deles em jogo justamente do Peixe, pelo Campeonato Paulista, contra o Corinthians, quando faltou luz no local por cerca de 45 minutos.

Engenheiros da Secretaria Municipal de Esportes, representantes da Eletropaulo e engenheiros da empresa de geradores Tecnogera colocarão a energia do estádio em funcionamento máximo nesta quarta-feira. Um primeiro teste já foi realizado nesta terça. A operação ficou acordada em reunião na semana passada, quando o Santos também esteve com membros da Federação Paulista de Futebol para tentar arranjar a solução.

Ficou acordado que serão instalados grupos geradores envolvendo transformadores e quadro de Transferência Rampa (QTR), totalizando potência de 1.000 KVA. O estádio trabalha com capacidade normal de 350 KW durante uma partida. Na prática, a energia será potencializada.

Antes do clássico, o estádio teve problemas de luz durante 15 minutos no jogo entre Palmeiras e Portuguesa, pela Copa São Paulo de Futebol Júnior, 30 minutos na partida entre São Caetano e Corinthians, pelo Paulistão. Corinthians e Ferroviária e Corinthians e São Paulo também tiveram problemas de menor expressão em 2018 com a energia do Pacaembu.

Também serão feitas revisões e trocas em todas as lâmpadas, fusíveis, disjuntores e botoeiras do estádio. Em comunicado enviado à imprensa, a Secretaria de Esportes alertou para a necessidade de ser fazer uma reforma elétrica e hidráulica total no Pacaembu, além de melhorias na acessibilidade e segurança. Não há prazo para tal, já que precisaria ser acordado com a concessão do estádio.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos