Roma bate Shakhtar e avança às quartas da Liga dos Campeões

Em duelo decisivo e emperrado, a Roma se recuperou do revés para o Shakhtar Donetsk e bateu os ucranianos por 1 a 0, garantindo vaga nas quartas de final da Liga dos Campeões. Apesar da vitória por 2 a 1 no primeiro encontro, que garantiria a classificação até em caso de empate, os comandados de Paulo Fonseca cometeram falhas importantes nas finalizações e acabaram deixando a chance de passar das oitavas escapar, assim como o chute de Dzeko, que garantiu a vitória italiana.

A desvantagem da Roma já preocupava desde o apito inicial. Diante da torcida, a equipe se mostrou equilibrada nos primeiros minutos, mas deixou a falta de criatividade ganhar espaço e caiu de rendimento diante do rival. Do outro lado, o Shathtar Donestk encontrou defesa fechada e mesmo armando algumas jogadas perigosas pela esquerda, que lhe renderam boa posse de bola, viu dificuldade para manter o empate.

Com a movimentação intensa do meia Taison e boas tabelas de Bernard, o time ucraniano se esquivou da marcação sem muitos obstáculos e até ameaçou dar trabalho ao goleiro Alisson, porém os erros nas finalizações prejudicaram os principais lances de gol. Em busca do resultado positivo para seguir na competição, Nainggolan insistiu com jogadas próximas a área e ficou perto de sair na frente no placar quando arriscou forte chute na cara da área, mas a bola estourou em Taison e levou a decisão para o segundo tempo.

Na volta para a etapa final os planos do Shakhtar se complicaram. Com apenas seis minutos de bola rolando, Strootman deu um belo passe para Dzeko pela esquerda e deixou na medida para o bósnio invadir a área em velocidade e tocar a bola por baixo das pernas de Pyatov, abrindo o placar para a Roma. Na sequência, o atacante ainda arriscou um chute cruzado pela direita mas após falha da defesa rival, a bola tirou tinta da trave e saiu.

O clima pesou após o gol da Roma. Sabendo que a vitória por 1 a 0 garantiria o rival nas quartas de final, o Shakhtar, ainda mais travado, priorizou a troca de passes e a conquista de espaços próximos a área, mas a dificuldade só aumentou. Principalmente após a expulsão do zagueiro Ordets, que puxou Dzeko após vacilo na marcação e levou cartão vermelho direto. Nos minutos finais, jogadores dos dois times discutiram depois que dois da equipe ucraniana foram pegar bola com o gandula e o empurraram contra a placa de publicidade. No final, Ferreyra, que cometeu a agressão, levou cartão amarelo.

Enquanto a Roma já estava com o placar garantido, tentando evitar chegadas do rival apenas para manter o resultado, o Shakhtar se desesperou em campo e passou a esperar chances para contra-atacar. Sem conseguir criar boas oportunidades na sequência da partida, a equipe deixou a vantagem criar asas e deixou a vaga nas mãos dos locais.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos