Líder no Corinthians, Rodriguinho se diz frustrado por ausência na Seleção

  • false

Um dos líderes técnicos do Corinthians nesta temporada, o meia Rodriguinho teve uma frustração recentemente. Mais precisamente na última segunda-feira, quando o técnico Tite anunciou a lista de convocados para defender a Seleção Brasileira em amistosos. Foi o último chamado antes da lista oficial da Copa do Mundo e Rodriguinho se sentiu frustrado por não ter seu nome.

"Frustrado é a palavra certa, porque quando se cria a expectativa e ela não se confirma, você fica triste e frustrado. Mas, passadas horas da convocação, a primeira coisa que fiz foi me motivar, trabalhar mais para estar na próxima", admitiu Rodriguinho, em entrevista coletiva nesta quinta-feira.

Dois fatores davam esperanças a Rodriguinho de ser chamado. O fato de ele já ter sido lembrado por Tite em duas listas no ano passado (para amistosos contra Colômbia, depois Argentina e Austrália), e as próprias palavras do treinador, que citou o nome do meia na entrevista. Mas ele ainda mantém o sonho de jogar a Copa.

"Primeiro, vendo muito e conhecendo o Tite, preciso manter o alto nível, manter a intensidade. Lógico que fazer gols ajuda, assistências também. Mas está sempre mantendo regularidade, e trabalhar para que muitos jogos sejam assim. Ele ver e poder estar lá", disse Rodriguinho.

"Não teve contato de ninguém da Seleção, mas eu acompanhei a entrevista do Tite, e ele citou meu nome. Então é mais um indício de que trabalhando, demonstrando a cada dia, jogo, posso sonhar, quem sabe eu ainda possa chegar", afirmou o camisa 26.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos