Dérbi sem fim: Jailson, Dudu e Felipe Melo serão julgados pelo TJD-SP

O goleiro Jailson, o volante Felipe Melo e o atacante Dudu serão julgados pelo TJD-SP na próxima segunda-feira, em sessão que começa às 17h. Após prestarem depoimentos para explicar fatos ocorridos no clássico contra o Corinthians, eles foram denunciados pela procuradoria. O diretor de futebol Alexandre Mattos, outro que prestou esclarecimentos, foi advertido por abordar o árbitro na saída do gramado.

Jailson: Foi enquadrado no artigo 254 (praticar jogada violenta, com pena de de uma a seis partidas) e no parágrafo 2º do artigo 258 (desrespeitar os membros da equipe de arbitragem, ou reclamar desrespeitosamente contra

suas decisões, com pena de uma a seis partidas). No total, o goleiro pode pegar 12 jogos de gancho. O primeiro artigo se refere ao lance do pênalti que ele cometeu em Renê Júnior, enquanto o segundo diz respeito à entrevista em que disse: "passaram a mão no Palmeiras de novo aqui".

Dudu: Também foi enquadrado no parágrafo 2º do artigo 258 (desrespeitar os membros da equipe de arbitragem, ou reclamar desrespeitosamente contra

suas decisões, com pena de uma a seis partidas). Ele declarou depois da partida que, em Itaquera, "na dúvida é Corinthians".

Felipe Melo: Foi enquadrado no artigo 258 (Assumir qualquer conduta contrária à disciplina ou à ética desportiva, com pena de uma a seis partidas). Ele teria, supostamente, feito um gesto obsceno para a equipe de arbitragem ou para a torcida corintiana no fim do jogo.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos