Situação de atletas lesionados do Figueirense é exposta em coletiva

No jogo contra o Atlético-MG, na última quarta-feira, Betinho saiu machucado e endossou o número de jogadores no departamento médico. Além dele, Cleberson, João Paulo, Felipe Amorim, Marco Antônio e o goleiro Denis estão sob os cuidados do médico Marcos Pereira Dias.

A situação de cada atleta foi exposta em entrevista coletiva nesta sexta-feira. Betinho, por exemplo, com uma lesão no tornozelo, foi medicado e submetido a exame de ressonância. O jogador está aguardando o laudo oficial e ainda não existe um prazo para a recuperação do atleta. Se sabe, no entanto, que o volante não sofreu fratura.

Já o zagueiro Cleberson ainda será avaliado e passará por exame de imagem. O departamento médico acredita que a lesão do jogador não é simples e não deu previsão para retorno.

O médico Marcos Pereira Dias informou que João Paulo teve uma lesão muscular de grau moderado. A estimativa é que o lateral-esquerdo fique de três a quatro semanas no departamento médico. Felipe Amorim, também com lesão muscular, ficará quatro semanas fora para cicatrizar.

O meia Marco Antônio ainda não fez sua estreia na temporada com a camisa alvinegra. Com uma hérnia de disco, é provável que jogador faça uma infiltração para tirar a dor e não ter que passar por cirurgia. Resta saber se o atleta vai conseguir jogar futebol mesmo com essa lesão.

A situação do goleiro Denis é menos preocupante. O arqueiro sofreu uma pequena torção no tornozelo, foi poupado do treinamento desta sexta-feira mas estará em campo no domingo contra o Inter de Lages, pela 14ª rodada do Estadual.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos