Alberto Valentim critica arbitragem, mas cobra reação do Botafogo

Se Rildo tivesse sido expulso, e não apenas advertido com cartão amarelo, Paulinho não teria entrado tão cedo. Talvez a partida tivesse sido outra. Talvez. Sem a interpretação de cartão por parte do árbitro Leonardo Garcia Cavaleiro, o Botafogo fez péssimo primeiro tempo, empatou no segundo, mas perdeu o clássico para o Vasco. Diante deste cenário, o técnico Alberto Valentim cobrou reação do time, mas também não poupou a arbitragem da partida.

- Hoje não vencemos por erro de arbitragem. Com um jogador a mais talvez venceríamos. Mas tivemos uma perda muito grande. Vamos ser fortes até pelo João. Futebol não dá oportunidade para remoer derrotas nem comemorar muito vitórias. A gente precisa reagir física, técnica e emocionalmente - cobra o treinador botafoguense.

O Alvinegro chegou ao quarto clássico no ano e não venceu nenhum. Para ir adiante, a evolução precisará ser deste tamanho, até porque o próprio Cruz-Maltino será o rival na semifinal da Taça Rio, nesta quarta-feira. O substituto de João Paulo já é uma dor de cabeça, e Valentim sabe.

- Vamos ver condição física de todos os atletas, depois vamos pensar em quem entrar - explica o comandante.

O Botafogo se reapresenta na tarde desta segunda-feira, no Nilton Santos. Terá apenas mais a atividade de terça para o novo treinador decidir com que time tentará fazer o time evoluir.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos