Willian José rebate críticos e valoriza seus números recentes: 'Não é fácil'

Ao lado de Anderson Talisca e Taison, ele forma o trio de convocados por Tite para os amistosos do fim deste mês, contra Rússia e Alemanha, respectivamente, que mais gera questionamentos da torcida. Mas o atacante Willian José, do Real Sociedad (ESP) defende-se.

- Cada um fala o que quer, mas nem todos acompanharam os meus jogos. Disputar 31 jogos e fazer 18 gols numa equipe média da Espanha não é fácil. As pessoas criticam pelo que fiz ou deixei de fazer anos atrás, mas as coisas evoluem e isso fez bem para mim. Depois de muito tempo, desde 2011, quando estava na sub-20, sonhei com esse momento. Demorou um pouco, mas chegou a hora - disse, na chegada a Moscou, ao SporTV.

O atacante está com 26 anos e como ele mesmo disse, foi convocado pela primeira vez para a Seleção principal, mas não é por isso que ele deixa de sonhar com a disputa da Copa do Mundo. Esta foi a última convocação de Tite antes da lista final dos convocados. E o atacante pede: é empenho nos treinos. E caso jogue, que ele mantenha a dedicação.

- Não sei se vou jogar, mas tenho que dar meu máximo nos treinamentos para conseguir satisfazer o gosto da comissão técnica. - finalizou.

O primeiro treino da Seleção Brasileira é nesta segunda-feira, às 9h30 (horário de Brasília). Ainda há jogadores para chegar. Roberto Firmino, Ederson, Alisson, Gabriel Jesus, Neto, Rodrigo Caio, Alex Sandro, Renato Augusto, Douglas Costa e o próprio Willian José são os atletas já na Rússia, adversário do Brasil na sexta-feira.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos