Arthur Gomes vibra com volta por cima e Gabriel se vê mais brigador

Depois de perder pênalti contra o Nacional-URU, pela Libertadores, o jovem Arthur Gomes foi escolhido por Jair Ventura como o último cobrador do Santos na noite desta quarta-feira, na Vila Belmiro, contra o Botafogo. Na prática, caiu no colo do atacante a missão de fechar as cobranças. Arthur não titubeou, bateu bem e levou o Peixe às semifinais do Campeonato Paulista. Feliz, comemorou muito a classificação.

- Não se pode abaixar a cabeça. Foi mais importante a cobrança hoje, era decisão. Todo dia que venho jogar futebol eu sinto que algo diferente vai acontecer. Eu faço o que eu amo - disse o garoto, ao Premiere, pouco depois da vitória sobre o time do interior. Durante a semana, Arthur aproveitou para treinar bastante as cobranças.

Se Arthur entrou e foi decisivo, Gabriel passou boa parte da partida se movimentando entre meio-campo e ataque. Atuando como um centroavante, por vezes saiu da área para buscar a bola, marcar e tentar construir jogadas.

- Tentei lutar bastante. Centroavante hoje não é mais só gol, tem que ajudar na marcação. Foi um jogo difícil, mas importante é a vitória - analisou.

O Peixe agora aguarda para saber quem enfrenta na semifinal do Paulistão, mas sabe que fará o primeiro jogo em casa. A tendência é que a diretoria solicite à Federação Paulista de Futebol o mando de campo para o Pacaembu.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos