Inconformado com marcação de pênalti, André Luis detona Héber

O Figueirense perdeu a invencibilidade no Campeonato Catarinense, na última quarta-feira. O atacante André Luis ficou inconformado com a marcação de pênalti, que culminou na derrota da equipe alvinegra, por 1 a 0, para o Joinville.

O lance foi entre Nogueira e Madson. Ao disputar bola na área, o atacante do Tricolor acabou caindo e o zagueiro do Furacão levou o segundo cartão amarelo, deixando o jogo mais cedo.

André Luis revelou que o árbitro Héber Roberto disse que as reclamações para a imprensa não mudariam em nada a decisão dele.

- Uma derrota que não estava nos nossos planos. Até antes do lance do Nogueira, a gente comandava o jogo. Tínhamos tudo para sair com a vitória tranquila. Mas o Héber é o Héber. Ele falou no meio de campo para mim: "Pode ir na rádio e falar que eu roubei de novo. Não importa, eu faço de novo" - afirmou o centroavante, em entrevista à Rádio CBN/Diário.

Héber Roberto Lopes é um dos árbitros mais experientes do quadro Catarinense e fez parte da Fifa até a temporada passada. No primeiro turno, ele também comandou a partida entre Furacão e JEC, no Orlando Scarpelli.

Apesar do resultado negativo, o Furacão ainda é vice-líder no Estadual, com vantagem de oito pontos para o Avaí, terceiro colocado na tabela de classificação. Faltam três rodadas para o fim da competição, e o Figueirense só vencer o Hercílio Luz, no próximo compromisso, para confirmar a vaga na final. Em caso de derrota, o Alvinegro terá que torcer por um tropeço do Avaí, que enfrenta o Tubarão, no mesmo dia.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos